Booking.com

 
 
 

Galápagos

Um autentico santuário da natureza, as Ilhas Galápagos, ou Arquipélago de Colón, localizam-se no Oceano Pacífico a cerca de mil quilómetros da costa da América do Sul e são uma das 24 províncias do Equador (Província de Galápagos).

Mapa Galápagos

O arquipélago de origem vulcânica, é formado por dezenas de ilhas e rochedos, treze ilhas maiores (entre 14 a 4 588 km²), seis ilhas menores, e dezenas de ilhotas e rochedos, que totalizam uma área terrestre de 8 010 km² distribuídas por uma área oceânica de 59 500 km².

Galápagos Map

Os Galápagos situam-se no Oceano Pacífico, a 1.380 quilómetros de Quito e a 1240 quilómetros de Guayaquil

A totalidade das ilhas constitui uma reserva de vida selvagem, administrada pelo governo do Equador e que é, desde a visita de Charles Darwin, o principal laboratório vivo de biologia do mundo.

 

 

O tempo nos Galápagos

O clima nos Galápagos divide-se em duas estações distintas, uma estação quente e húmida com temperaturas a rondar os 30º C., de Janeiro a Maio / Junho; e uma estação seca e fria de Junho / Julho até Dezembro, com temperaturas de 22ºC.

Gastronomia nos Galápagos

A gastronomia do Arquipélago dos Galápagos é diversificada, fresca e abundante onde o marisco (camarão e lagosta) é uma presença constante, assim como uma enorme variedade de peixe fresco. Outra das especialidades imperdível aqui são os deliciosos “ceviches”.

 

 

Algumas das Principais Ilhas dos Galápagos

 

 

Ilha de São Cristóvão

Galápagos Map

São Cristovão

Uma das ilhas dos Galápagos habitada, São Cristóvão tem uma área total de 558 km². É aqui que se localiza, Puerto Baquerizo Moreno, a Capital do Arquipélago.

Puerto Baquerizo Moreno / Férias em Puerto Baquerizo Moreno

banner 320x50 pt

 

 

Ilha Isabela

Isabela

O nome desta ilha homenageia a rainha Isabel, esposa de D. Fernando Rei de Espanha que patrocinou a viagem de Cristóvão Colombo às Ilhas Galápagos.

Punta Moreno

Punta Moreno, Isabela

 

Isabella

Com uma área total de 4.640 km², Isabela é a maior ilha do arquipélago. Uma das 4 ilhas habitadas do arquipélago, Isabela tem como ponto mais alto o vulcão do lobo a 1707 metros de altitude. A maior cidade de Isabela é Puerto Villamil (terceira maior cidade do arquipélago), localizada na ponta do sudeste da ilha.

Isabela

Isabela, a maior Ilha do Arquipélago dos Galápagos e uma das 4 ilhas habitadas tem uma área total de 4.640 km². Conta com 6 vulcões (Wolf, Darwin, Alcedo, Chico, Sierra Negra e Cerro Azul). A Oeste de Isabela situa-se a ilha Fernandina, a Este, Isla Santiago, Isla Rábida e Santa Cruz, entre outras ilhas do Arqupélago.

 

Tagus Cove, Isabela

Tagus Cove - Isabela.

Isabela

Ilha Isabela

A sudeste de Puerto Villamil situa-se a Ilha Floreana ou Santa Maria, como também é conhecida. A nordeste do Cabo Marshall localizam-se as Ilhas Pinta, Marchena e Genovesa.

 

 

Puerto Villamil, Ilha Isabela Puerto Villamil, Ilha Isabela

Aqui encontra a melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Puerto Villamil, Ilha Isabela

 

banner 320x50 pt

 

 

 

 

 

 

 

 

Ilha de Santa Cruz

Baia de Santa Cruz

Com uma área total de 986 km² e altitude máxima de 864 metros, Santa Cruz é a ilha dos Galápagos com a maior população.

Considerada por muitos como o ponto de partida ideal para a descoberta dos Galápagos, é em Santa Cruz que se localiza o maior aglomerado populacional do arquipélago, na cidade de Puerto Ayora.

Tortuga Bay

Santa Cruz certamente é a ilha mais central para os visitantes de Galápagos. Recebendo visitantes para passar a noite (apenas quatro das ilhas o fazem), ela pode servir como a base perfeita para você explorar as outras ilhas. Embora não seja a maior ilha, definitivamente é o centro urbano mais popular. Mas apesar de ser a mais cosmopolita, Santa Cruz também oferece belas praias e animais selvagens.

Santa Cruz

Santa Cruz, a ilha mais central e com mais habitantes dos Galápagos é o local ideal para ficar hospedado durante a sua visita e o ponto de partida ideal para a descoberta deste paraíso

É em Puerto Ayora que se localiza a Estação de Pesquisas Charles Darwin e o quartel-general do Serviço do Parque Nacional de Galápagos. Ambos operam conjuntamente um centro de criação de tartarugas onde as mesmas preparados para serem reintroduzidos em seu habitat natural.

Santa Cruz é caracterizada pela sua vegetação exuberante nas montanhas e famosa pelos seus túneis de lava.

A Enseada da Tartaruga Negra é ideal para observar a enorme população de tartarugas marinhas que existem na Ilha, assim como arraias e pequenos tubarões que escolhem a área para acasalamento. O Cerro Dragón é conhecido pelas sua lagoa de flamingos.

Ao longo da costa podem ainda ser avistadas iguanas terrestres.

Tortuga Bay

Caia na água de snorkel em Tortuga Bay, Punta Estrada ou Las Grietas, as três praias mais populares para interagir com o mundo subaquático.

Tortuga Bay

 

Estação Chareles Darwin

Se quiser tentar o surfe, há várias oportunidades, principalmente em Tortuga. Quando já tiver aproveitado o suficiente na água, confira os incríveis túneis de lava pela ilha, ou visite a Estação de Pesquisa Charles Darwin, a única organização de conservação dedicada a preservar as incríveis tartarugas de Galápagos, bem como compartilhar informações sobre elas com os visitantes.

 

 

 

 

Genovesa, Pinta e Marchena

Genovesa

Genovesa, Pinta e Marchena, situam-se a norte da Ilha de Santa Cruz. Pinta e Marchena conta com vários locais excelentes para o mergulho como  Punta Nerus, Cabo Chalmers, Puerto Posada e Cabo Ibbetson (Pinta); Punta Montalvo, Punta Mejía, Playa Negra e Punta Espejo (Marchena).

Um pouso mais a leste, a ilha de Genovesa é um paraíso para muitos pássaros e um local perfeito para os ornitólogos.

A ilha possui uma praia em forma de círculo, batizada de baía de Darwin, originada pela lava de um vulcão. As grandes atrações são os quase 500 mil pássaros que habitam a ilha, entre eles mergulhões de patas vermelhas, mascarados, gaivotas, garças e tentilhões. El Barranco é outro dos locais da ilha que vale a pena visitar.

 

 

Ilha de Fernandina

Fernandina

Nome dado em homenagem ao rei Fernando da Espanha que patrocinou a viagem de Colombo. Tem uma área de 642 km², com uma altura máxima de 1494 metros. Com intenso movimento vulcânico ainda encontra-se em expansão. Possui uma rica fauna composta por pinguins, pelicanos, leões-marinhos, iguanas. Entre outras.

Fernandina

É conhecida como a ilha oceânica mais antiga do mundo onde não existe qualquer forma de vida introduzida pelo homem. Consequentemente a Ilha Fernandina ( O nome é uma homenagem a Fernando II de Aragão) não sofreu qualquer modificação nos seus últimos 750.000 anos. Um dos vulcões mais ativos do mundo (Sierra Negra) encontra-se nesta ilha.

Em 11 de Abril de 2009 verificou-se um nova erupção vulcânica que provocou um nuvem de cinzas com vapor quente e Lava que desceu das encostas do vulcão e para o mar.

Punta Espinoza é uma estreita faixa onde centenas de Iguanas Marinhas de costumam agrupar, num espetáculo digno de se ver.

Para além das Iguanas Marinhas também é possível observar o cormorão-das-galápagos, pinguins, pelicanos e leões marinhos.

 

 

Ilha de Santa Maria (Floreana)

Floreana

A Ilha de Santa Maria ou Floreana foi a primeira ilha dos Galápagos a ser habitada e tem uma história algo fascinante e ao mesmo tempo bizarra.

Floreana

Esta ilha conta com três locais de visita obrigatória: Devil's Crown, Post Office Bay e Punta Cormorant.

Floreana

Puerto Velasco Ibarra, o principal aglomerado populacional da Ilha é uma sonolenta aldeia que em 1986 tinha 65 habitantes.

Floreana

 

 

 

 

 

 

 

Ilha de Wolf

Ilhas de Darwin e Wolf

A Ilha de Wolf não permite visitas em terra.

Os principais pontos de mergulho localizam-se em Punta Shark Bay, no lado sul da ilha.

Os Tubarões-martelo e os golfinhos são as principais atrações da Ilha de Wolf. Os cardumes de tubarões-martelo chegam a ter 500 animais.

 

 

 

 

Ilha de Bartolomé

Bartolomé

Com uma área de 1,2 km², altura máxima de 114 metros, a ilha de Bartolomé, uma ilhota vulcânica não habitada, localiza-se nas proximidades da costa leste da ilha de Santiago, ao longo da costa leste da Baía de Sullivan.

Esta pequena e bela ilha, cujo nome é em homenagem ao tenente David Bartholomew da marinha britânica, ficou famosa pela sua icônica Pinnacle Rock, indiscutivelmente um dos mais famosos marcos históricos de Galápagos.

Bartolomé

Este incrível sítio geológico é uma face de rocha impressionante, resultante de uma formação de lava da erupção de um vulcão submerso.

Uma das ilhas "mais jovens" do arquipélago com uma paisagem árida e desolada é um dos locais mais visitados e fotografados dos Galápagos.

Bartolomé

Dramáticas formações de lava formam espetaculares tubos e túneis. Existe um trilho de 600 metros até ao ponto mais alto da ilha, onde estão os magníficos campos de lava.

Uma vez no topo, nada como desfrutar de algumas das vistas mais deslumbrantes de Pinnacle Rock, Baía de Sullivan, Isla San Salvador (ou Santiago) e Isla Daphne e, claro, tirar algumas fotos espetaculares do cenário de cortar a respiração.

Visite a praia do norte para excelentes oportunidades de mergulho. Nade com belos peixes e pinguins de Galápagos, ou visite a costa sul para ver tubarões e raias. Fique atento às tartarugas-verdes, especialmente se você estiver por lá durante a época de acasalamento (tipicamente de novembro a janeiro).

 

 

Ilha de Santiago

Conhecida também pelos nomes de James ou San Salvador, a Ilha de Santiago conta com 5 espécies de répteis e 20 espécies de aves que fazem desta ilha o seu habitat natural.

Para além da fauna, é possível encontrar neste ilha desabitada pelo homem, 113 espécies de plantas endêmicas das Galápagos, das quais seis são restritas a Santiago.

Ilha Santiago

 

 

 

Leon Dormido / Leão Adormecido

Leão Adormecido

Trata-se de uma gigante formação rochosa que se projeta para fora do oceano, os restos de um cone de lava dividido em duas partes, em inglês ele também é conhecido como "Kicker Rock'. As formações foram corroídas durante séculos pelas condições climáticas e pelo mar, e atualmente alcança 150 metros de altura acima d'água.

Localizadas na costa da Ilha de São Cristóvão, os barcos que visitam as rochas podem navegar através do canal estreito entre essas duas formações. Muita fauna marinha faz o mesmo, e este é um dos lugares mais fáceis para ver os tubarões de Galápagos, bem como tartarugas, Raias e leões marinhos. É um excelente local para mergulho e snorkeling, como a corrente leve entre as duas rochas atrai diversos grupos de peixes de recife. Fragatas também são comuns, e muitas outras espécies podem ser vistas de cima da água. Seja assemelhando-se a um leão ou a uma bota, Leon Dormido certamente é um ícone dos Galápagos por um motivo.

 

 

Ilha de Santa Fé

Santa Fé

 

 

Ilha de Seymour

Seymour

 

 

 
Promoções
 
Hotéis

 

ref-booking-large
 

money-icon

Como poupar nas férias
 
  Iberica360
Voos Baratos
Busca de Voos
flightradar
 
  Paper-Money-icon
Conversor de Moeda
 
 
 
 
 

Excurses

 

 

Online

Temos 102 visitantes e 0 membros em linha

Voos

 

My Hotelbooking