Booking.com

 
 
 

Síria

Síria

A Síria encontra-se envolta num cenário de montanhas escarpadas, pastos verdes e vastos desertos, praias tranquilas, picos de montanhas cobertos de neve e vales férteis.

 Síria

A Síria vive uma situação de guerra violenta, não existindo quaisquer condições de segurança num país onde, neste momento, os estrangeiros são vistos com desconfiança quer pelo regime, quer pelas várias facções da oposição. Qualquer gesto ou movimentação por parte de estrangeiros podem ser vistos como suspeitas.
Siria
Capital : Damasco
Área : 185 180 km²
População : 18 502 413
Governo : República unitária semipresidencial
Língua oficial : Árabe
Moeda : Libra síria (SYP)
Países vizinhos : Iraque, Israel, Jordânia, Líbano, Turquia
Fronteiras marítimas : Mar Mediterrâneo

 

A Síria faz fronteira com o Líbano e o Mar Mediterrâneo a oeste; a Turquia ao norte; o Iraque a leste; a Jordânia ao sul e Israel ao sudoeste.

 

A Síria era um autentico esplendor de um passado numa cultura milenar, um lugar inigualável que, infelizmente foi praticamente destruído por uma guerra que teima em terminar.

 Síria

Durante centenas de anos a terra que se estende entre o Mediterrâneo e o rio Eufrates foi palco da história mundial. A capital, Damasco, é considerada uma das cidades mais antigas do mundo e o alfabeto encontrado em tábuas de barro em Ugarit é o mais antigo conhecido na história.

 

Antes dos graves conflitos armados iniciados em 2011 e que duram até á presente data, a Síria era um dos belos países do Médio Oriente. A herança cultural deste país percebia-se em todos os seus cantos.

Principais Aeroportos da Síria:

Aeroporto Internacional de Damascus (DAM)

Aeroporto Internacional de Aleppo (ALP)

Aeroporto de Latakia (LTK)

Deir ez-Zor Airport (DEZ)

Palmyra Airport (PMS)

 

Companhia aéreas com sede na Síria: Cham Wings Airlines, Syrian Arab Airlines, Fly Damas

 

Principais centros urbanos na Síria: Alepo, Damasco, Homs, Hamah, Latakia, Dayr az Zawr, Ar Raqqah, Al Bāb, Idlib, Duma, As Safīrah, Salamiyah, Tartus, Ath Thawrah, Al Ḩasakah

 

Principais destinos turísticos da Síria:

Damasco, Aleppo, Homs, Lattakia e Hama

 

Algumas cidades, como Palmira, considerada a pérola do deserto, guardavam lendas apaixonantes de antigas civilizações.

 

Uma viagem pela Síria era mais do que uma simples visita, era uma verdadeira passagem através do mundo da arte, da história, da cultura e das relações humanas, nas quais a tolerância e a hospitalidade definiam o carácter das suas gentes.

 

O viajante era brindado com o esplendor de um rico passado, com o refinamento de uma cultura milenar.

 

A Síria era um país foco de civilizações, característico pela sua excecional riqueza arqueológica e monumental que testemunha a passagem de 6 mil anos.

Hoje a Síria é um verdadeiro monte de ruínas, praticamente devastada pela guerra que tarda em terminar. Nada será como dantes na Síria.

 

 

Damasco

Damasco

A cidade de Damasco, considerada como a mais antiga do mundo ininterruptamente habitada, é situada no oásis de Ghutah e a água que a abastece vem do rio Barrada. A parte antiga de Damasco concentrava-se numa extensa área, que abrangia o gigantesco souk, um grande bairro muçulmano, um bairro cristão mais pequeno e uma minúscula zona judaica. A cidade moderna ficava a oeste da Antiga Damasco e aqui situavam-se a maior parte das embaixadas, universidades, alguns monumentos e edifícios.

As principais atracões turísticas eram o Museu Nacional, a Grande Mesquita dos Omeyas, o Palácio Azem, a Igreja de Ananias e a janela se São Paulo.

 

A Grande Mesquita dos Omeyas

A Grande Mesquita dos Omeyas

Construída no século VIII, a imponente mesquita dos Omeyas era um dos mais sagrados lugares do Islão. Abrigava a tumba do guerreiro medieval islâmico Saladino, e acreditava-se que os restos mortais do mártir xiita Hussein ibn Ali, neto do profeta Maomé, e também de João Batista estivessem contidos noutras tumbas lá localizadas.

 

 

Palácio de Azem

Palácio de Azem

Perto da mesquita encontrava-se o Palácio Azem, o mais belo exemplar da arquitetura de Damasco, que mostrava o contraste entre o simples e quase primitivo exterior com a sofisticação encontrada no seu interior. O palácio era envolvido com o aroma fresco das flores dos seus jardins e era adornado com fontes que vertiam águas em cascata. No seu exterior encontrava-se o Museu de Arte e Tradições Populares.

 

Museu Nacional

Museu Nacional

Outra das atrações que é atualmente uma mera memória da Síria antes da guerra, o Museu Nacional sírio abrigava relíquias de uma imensa variedade de povos e civilizações – hititas, cananeus, assírios, babilônios, aramaicos, romanos, bizantinos – que floresceram na Síria ou pelo menos acamparam no seu território.

 

Palmira

Palmira

A cidade de Palmira servia de paragem na Rota da Seda e foi fundada por volta do segundo milénio antes de Cristo, florescendo sob controlo romano nos primeiros anos da era cristã.

Palmira designava-se como sendo a cidade arruinada mais famosa da Síria, devido aos inúmeros templos, túmulos e teatros que se podiam encontrar, entre os quais se destacavam o templo de Bel, a Grande Colunata, Àgora, o Tetrapilon e ainda o Vale dos Túmulos.

 

 

Bosra

Bosra

Esta localidade contava com o Teatro Romano mais bonito e mais bem conservado da Síria. Este monumento foi construído no século II tendo capacidade para 15 mil espectadores.

Todos os anos, no Verão ocorriam atuações locais e internacionais envolvidas majestosamente por uma decoração natural de arcos e colunas romanas. A cidade conservava um grande número de ruínas romanas: Banhos, colunas, portas monumentais, etc.

 

Qasr Al Hir Aç Charqui

Qasr Al Hir Aç Charqui

A localidade de Qasr Al Hir Aç Charqui possuia um belíssimo complexo formado pelos restos de um palácio (com banhos, jardins e torres defensivas), monumentos e mesquitas.

 

 

Aleppo

Aleppo

Atualmente famosa por ser palco de terríveis batalhas ao longo da guerra que se iniciou em 2011, os grandes destaques da A cidade de Aleppo antes da guerra eram as ruínas gloriosas e vistas soberbas de seus parapeitos rendilhados.

A Grande Mesquita Souk al-Atari, construída no século VIII, sendo posteriormente reconstruída, depois de um incêndio, 400 anos mais tarde. Uma espécie de irmã mais nova da mesquita omaíada de Damasco, abrigava uma relíquia que diziam ser a cabeça de Zacarias, pai de João Batista.

 

 

San Simeon

San Simeon

O Conjunto Monumental de San Simeon encontrava-se a 60 km a noroeste de Aleppo.

Com a morte do eremita foi construída a catedral no lugar em que ele costumava rezar no ano de 472. Simeon foi o mais famoso dos chamados "Atletas de Deus", que colocados em cima de uma coluna ou torre atraem multidões a fé.

 

 

Crack dos Cavaleiros

Crack dos Cavaleiros

Esta fortaleza, denominada como sendo a fortaleza dos Cruzados mais bem conservada do Médio Oriente, foi construído pelos cavaleiros da Ordem do Hospital no século XII.

O monumento fazia parte de um conjunto de castelos construídos pelos cruzados como parte da sua estratégia de conquista e defesa da Terra Santa. Foi conquistado pelos muçulmanos no século 13.

 

No que diz respeito a férias de praia, Lattakia, com as suas belas baías com muitos lugares à sombra, onde havia muita oferta turística de alojamento e serviços de suporte era o destino de eleição tando por parte de turistas estrangeiros como por parte de turistas árabes.

 

Natureza

Geograficamente, a Síria é caracterizada por ter longos planaltos desérticos em contraste com as montanhas da parte oeste, tornando assim os seus monumentos e riqueza arqueológica mais misteriosos e imponentes.

 

Quando ir

A melhor altura para visitar a Síria é durante a Primavera e Outono, ou seja, nos meses entre Março e Maio ou Setembro e Novembro, pois nestas épocas a temperatura é amena e no caso da Primavera não existe a névoa seca que por vezes oculta as maravilhas deste país.

Outro período de grande agitação turística ocorre nos feriados religiosos islâmicos.

 

Organize as suas viagens de férias aqui

Para além de algumas informações acerca de cada destino, partilhamos aqui algumas ferramentas que utilizamos para organizar as nossas viagens para que também o possa fazer de forma fácil e rápida, economizando algum tempo e dinheiro.
Desde a simples reserva de Pacotes de Férias, Circuitos Turísticos ou Cruzeiros para aqueles que não gostam de ter muito trabalho no planeamento, até às reservas de  voos, hotéis ou outro tipo de alojamento, aluguer de carro e contratação de seguro de viagem, especialmente para aqueles que gostam realmente de escolher tudo e planear as férias ao pormenor.
Disponibilizamos ainda a possibilidade de reservar antecipadamente alguns passeios turísticos e ingressos para atrações no destino, poupando assim tempo e evitando filas de espera nas principais atrações do destino escolhido para as próximas férias.

travel 2 icon

 

Pacotes de Férias

tracking route icon

 

Circuitos

cruise icon
 

Cruzeiros

Transport Airplane icon
 

Voos

Household Bed icon
 

Hotéis

car icon
 

Aluguer de Carro

colosseum icon
 

Passeios Turísticos

insurance icon
 

Seguro de Viagem

 

 

 
Promoções
 
 
 
 

money-icon

Como poupar nas férias
 
  Iberica360
Voos Baratos
Busca de Voos
flightradar
 
  Paper-Money-icon
Conversor de Moeda
 
 
 
 
 

Online

Temos 106 visitantes e 0 membros em linha