Booking.com

 
 
 

Férias no Peru

Peru

Limitado por Equador, no norte, Brasil e Bolívia, no oeste, pelo Chile, a sul, e pelo Pacífico Sul, a oeste, o Peru é um magnifico destino de férias que oferece inumeras atracões que satisfazem qualquer visitante.

Peru – o império dos Deuses

Peru

A história e o passado possibilitaram um encontro de duas culturas diferentes, que hoje nos permite conhecer e descobrir o Peru, um dos países mais fascinantes do mundo.

E não apenas para desfrutar das suas impressionantes ruínas arqueológicas, da sabedoria dos homens andinos, para se deixar cativar por Cusco, o “umbigo do Mundo”, atravessar as suas selvas impenetráveis e santuários da vida selvagem, surpreender-se com as suas áridas e enigmáticas costas ou meditar sobre o enigma das Linhas de Nazca, mas quem sabe filosofar sobre a resposta que estas maravilhas parecem ocultar sobre os desígnios dos deuses…

Peru
Conhecidíssimo pela rica cultura pré-colombiana que engloba a civilização de Caral (também conhecida como Caral-Supe ou Norte Chico) e o Império Inca, o Peru é igualmente um país abençoado com paisagens naturais estonteantes, graças à longa extensão da Cordilheira dos Andes e da selva amazônica.

 

 Peru

 

Como chegar

De avião e de barco. O principal aeroporto do Peru - Aeroporto Internacional Jorge Chávez, localiza-se na capital de Lima.

Companhias aéreas como a American Airlines disponibilizam voos de várias cidades, como San Francisco, Miami, Nova York, Atlanta, Los Angeles, Newark e Houston. A Air Canada também tem voos vindos de Toronto e , pelo menos cinco companhias aéreas europeias oferecem voos para Lima.

 

Vindo de outras cidades o ponto de entrada mais comum é através de Los Angeles.

 

A partir do Brasil ou da Colômbia, existe a alternativa marítima. Uma viagem de barco com uma duração de 10 horas até à cidade de Iquitos desde Tabatinga, no Brasil ou Letícia, na Colômbia.

 

A partir de Portugal não existem voos diretos para Lima, pelo que será necessário fazer escala em Madrid, numa viagem com cerca de 14 horas de duração.

 

Alojamento em Hotéis no Peru

 

No Peru, as tarifas de relativamente acessíveis. Os Hotéis de cinco estrelas estão na sua maioria situados em Lima e são maioritariamente utilizados por viajantes de negócios. A melhor opção aqui são hotéis de 3 estrelas que oferecem uma boa relação entre preço e qualidade.

Nos Hotéis de 1 estrela as tarifas diárias poderão rondar os 18 Euros por noite mas, geralmente, localizam-se áreas longínquas onde a segurança não pode ser garantida.

Se pretender procurar alojamento em áreas residenciais, evite os "hostels" pois estes aqui nem são para os turistas de mochila às costas.

Aqui encontra a melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias no Perú

banner 320x50 pt

 

Destinos de Férias Populares no Peru:

 

Cusco / Férias em Cusco

Cusco

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Cusco

banner 320x50 pt

 

 

 

 

Lima / Férias em Lima

Lima

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Lima

banner 320x50 pt

 

 

 

 

Arequipa / Férias em Arequipa

Arequipa

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Arequipa

banner 320x50 pt

 

 

 

 

 

Trujillo / Férias em Trujillo

Trujillo

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Trujillo

banner 320x50 pt

 

 

 

 

 

Machu Picchu / Férias em Machu Picchu

 

Machu Pichu

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Machu Picchu

banner 320x50 pt

 

 

 

 

 

Puno / Férias em Puno

Puno

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Puno

banner 320x50 pt

 

 

 

 

 

Iquitos / Férias em Iquitos

Iquitos

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Iquitos

banner 320x50 pt

 

 

 

 

Urubamba / Férias em Urubamba

Urubamba

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Urubamba

banner 320x50 pt

 

O Clima / Quando Visitar

Não existem más alturas para visitar o Peru. Durante quase todo o ano existem vários eventos que merecem a atenção do turismo. Em relação ao clima, sendo um clima tropical, a temperatura é geralmente quente. A época das chuvas é de Novembro a Março, no Verão.

 

 Peru

Natureza

Considerado um dos países com maior biodiversidade no mundo, o Peru tem uma flora e fauna muito variada, dependendo das diferentes zonas climáticas.

 

A litoral o clima é desértico enquanto no interior prevalecem as estepes cheias de árvores de alfarrobeiras, especialmente no oásis.

Mais para a costa aparecem as formações de cactus e na época da "garúa" (marezia marinha), aparece uma efémera vegetação conhecida com o nome de "loma". Conforme a subida a vegetação é rica e nos vales mais húmidos aparece a flora ribeirinha como são os álamos.

 

A partir dos mil metros de altitude e até aos 3 mil metros, predomina a selva húmida e a vegetação subtropical, onde abundam as plantas de coca, quina, salsa-parrilha, baunilha, borracha, cedro ou acajú.

 

Nas regiões bem irrigadas e a determinadas altitudes existem as culturas de algodão, batata-doce, arroz ou cana-de-açúcar.

Acima dos três mil metros abunda a vegetação propriamente andina.

 

A selva acolhe uma rica flora, sobretudo de fetos e árvores de madeira dura como o cedro, acajú ou ébano. É, em uma palavra, um paraíso de plantas tropicais.

 

Quanto á fauna, a mesma é igualmente determinada pelas três regiões que apresentam o país.

 

No litoral abundam as tartarugas, veados, calangos, iguanas, lobos, lontras, golfinhos, baleias, peixe-agulha, arraias, peixe. rei, meros, cabrilhas, sardinhas, etc, assim como uma rica e variada ornitofauna como pelicanos, cormorães, gaivotas, pinguins de Humboldt, pariguanas, guanay, chuitas, águias pescadoras, chorlos, playeritos, etc.

 Peru

Na região andina são as alpacas, lamas e guanacos os camélidos mais numerosos. As vicunhas podem ser vistas, especialmente, nas zonas onde tem planalto. Destacam-se também na região andina, diversas qualidades de raposas, chinchilas, tarucos ou vizcachas. Quanto às aves, predominam as águias, urubus e em determinadas zonas, o místico condor.

 

Por outro lado, a selva peruana acolhe uma rica e variada fauna como onças, porcos, veados, queixadas, ocelotes, tamanduás, macacos, jacarés, jibóias, sucuris, numerosas espécies de cobras e insetos, tucanos, araras, louros, garças, beija-flores, golfinhos rosados, piranhas, douradas, tartarugas….

 

Destaque ainda para as imensas espécies de borboletas que existem no Peru, cerca de quatro mil tipos diferentes.

 

O que Fazer

O Peru tem vários locais declarados Património Mundial UNESCO, dos quais o mais famoso e conhecido é o Machu Piccu - o principal símbolo do Império Inca, que apresenta vistas deslumbrantes sobre as ruínas.

Outros locais declarados Património Mundial UNESCO a não perder são, Chavín de Huántar e Chan.

 

O Parque Nacional Huascarán na Cordilheira Blanca e a Reserva Nacional de Paracas, no litoral sul são igualmente locais de visita obrigatória.

 Peru

O Lago Titica, um dos maiores lagos da América do Sul é imperdível.

 Peru

Os adeptos as Praia e do sol têm em Máncora o local perfeito para visitar e passar alguns dias, com praias incríveis e excelentes zonas para a prática de surf ou bodyboard. Durante os fins de semana e feriados, Máncora torna-se num centro de animação.

Outros locais a visitar são Parque Nacional de Manu, Linhas de Nazca, e o Parque Nacional do Rio Abiseo.

 

Lima

Lima

banner 320x50 pt

Um nevoeiro paira sobre a cidade entre Maio e Outubro. Sob esta atmosfera os habitantes de Lima encontram-se nas “penas” (bares que oferecem música crioula e folclórica), e fazem compras nos mercados.

Lima tem vários museus onde se podem apreciar as riquezas do passado do Peru, incluindo o Museu Nacional de Antropologia e Arqueologia e também o Museu do Ouro.

No sul de Lima, praias brancas e longas, banhadas pelas águas frias do sudeste do Pacífico, misturam-se com as brilhantes dunas de areia branca. Em contraste com as praias de turismo de climas mais quentes, estas praias têm poucas atrações turísticas, além de cafés e restaurantes.

Uma das melhores praias, que confirma esta tranquilidade, é a praia El Silencio. Assim como a própria Lima, estas praias parecem existir num tempo remoto, agradavelmente retirado dos destinos mais frequentados.

Claro que Lima é uma cidade metropolitana, com todas as vantagens e desvantagens de uma grande cidade. Cerca de seis milhões de pessoas vivem em Lima. Apesar desta cidade ter um toque latino mediterrânico, é totalmente diferente de uma cidade europeia. Por exemplo, a maior parte das pessoas vive em casas e não em apartamentos, algumas das pessoas mais ricas vive em Miraflores, San Isidro. O centro de Lima tem uma atmosfera única, muito povoado e movimentado.

A Plaza Maior é considerada a mais bela praça latino americana.

Mais Informao

 

 

Cusco

Cusco

banner 320x50 pt

Cusco também conhecida como a capital do Império Inca, e como o “umbigo do mundo”.

Historiadores vêm Cusco como a capital arqueológica das Américas.

Com construções em pedra herdada pelos Incas, os conquistadores espanhóis, além de, simplesmente construírem por cima dos edifícios incas roubaram o seu ouro.

Hoje em dia Cusco é a capital do seu distrito e tem 250.000 habitantes. A cidade está situada a sul dos Andes a 3.326m acima do nível do mar, a sul do Vale Sagrado dos Incas. A cidade está rodeada por montanhas conhecidas pelo “ninho do falcão”, e cujo Vale Sagrado é a joia da arquitetura Inca.

Os edifícios eram feitos de enormes pedras, algumas sendo tão pesadas como um avião. É um mistério como os Incas conseguiram trabalhar com tais pedras.

Devem ter necessitado, pelo menos de 20.000 pessoas para conseguir colocar as pedras nos seus lugares.

 Mais Informao

 

Machu Picchu

Machu Pichu

banner 320x50 pt

Machu Picchu está cheia de mistérios e cada pedra parece ter uma história interessante para contar.

Machu Picchu não precisa de grandes apresentações. Foi e continua a ser uma fonte inesgotável de comentários, ideias, teorias e poesias, tudo que possa fazer trabalhar a imaginação – e nada melhor que esta para encontrar adjetivos e exaltações em homenagem a esse impressionante conjunto de pedras talhadas.

Num lugar dos Andes peruanos de privilegiada beleza e difícil acesso, erguem-se as ruínas de Machu Picchu, antiga cidade fortificada dos Incas cujos jardins em diferentes níveis eram ligados entre si por mais de três mil degraus.

Machu Picchu localiza-se numa das zonas mais elevadas dos Andes, a sul do Peru, próximo a Cusco, antiga capital do Império Inca.

A cidade foi construída num estreito planalto de cerca de 2.400m de altitude, dominado pelo pico escarpado de Huayna-Picchu.

Abandonada pelos seus habitantes em época indeterminada, Machu Picchu ficou coberta pela vegetação durante séculos. Havia entre os nativos da região a crença de uma existência mítica da cidade, mas as ruínas só foram descobertas em 1911, por uma expedição encabeçada pelo americano Hiram Bingham, da Universidade de Yale.

Para chegar até elas naquela época, era preciso percorrer um caminho difícil entre as montanhas, que partia da localidade vizinha de Ollantaytambo.

Machu Picchu é um dos poucos núcleos urbanos pré-colombianos conservados praticamente intactos. Construído em pedra, com grandes blocos graníticos unidos sem argamassa, foi edificado segundo uma conceção urbanística unitária, dentro da qual foi possível identificar diferentes sectores ou bairros com funções distintas.

Pode alcançar Machu Picchu de várias formas, algumas delas incluem caminhadas, comboio, autocarro e até helicópteros.

Bem que a palavra Peru evoca inevitável e quase imediatamente, as imagens de Machu Picchu e do Império fundado pelos Incas, pelos seus caminhos é possível conhecer o impressionante património arqueológico herdado pelas civilizações mais antigas que são testemunhas de sua arte, costumes, ritos e desenvolvimento.

 Mais Informao

 

Puno

Puno

banner 320x50 pt

A maior parte dos visitantes de Puno vai com a intenção de visitar o Lago Titicaca e ver as ruínas dos Incas. Contudo Puno é hoje, a capital da região das montanhas e da fronteira comercial do país, com a Bolívia, do outro lado do lago.

Durante o ano, Puno tem festivais mensais com música e dança, que enchem as ruas, estas atividades trazem os fotógrafos para registarem os eventos festivos destes meses.

A festa mais popular é a festa da Virgem Candelária, em Fevereiro, com as famosas dançarinas do Diabo. No primeiro dia centenas de grupos de bailarinos, das cidades vizinhas dão o seu contributo ao “mamacha”, exibindo o melhor do seu folclore e usando os seus melhores fatos. Esta é a melhor altura para ver a colorida “diablada” onde, ao ritmo dos “sikuri” ou dos tocadores de gaitas de foles e grupos de bailarinos com os seus trajes típicos.

A imagem da Virgem é transportada pelas ruas da cidade, em procissão. Nos dias seguintes há feiras, festivais, bebida e dança, dia e noite.

Durante a primeira semana de Novembro, Puno celebra a sua origem e durante o ano, todos os domingos, podem ver-se as paradas militares, ouvir-se música, e assistir a outras cerimónias, na Praça de Armas.

Durante os dias da cidade, 4 e 5 de Novembro, uma procissão de dançarinos mascarados, celebram o início do Império Inca quando Manco Capac e Mamá Occlo fizeram o forte no Lago Titicaca.

Puno está a 3.700 metros acima do nível do mar, seco e frio, muito frio à noite. Se for sensível à altitude, aconselhamos que faça um processo de aclimatização. Chá de Coca está disponível e ajuda o processo de aclimatização. A cidade é hospitaleira com muitos restaurantes e opções de hospedagem, desde o muito básico ao luxuoso. Para viagens entre Fevereiro e Novembro, reserva as suas viagens antecipadamente.

 Mais Informao

 

Arequipa

Arequipa

banner 320x50 pt

Arequipa, também chamada a “cidade branca” está situada a sul do Peru. A 2.325m acima do nível do mar. Faz parte de La Sierra.

A cidade, no centro de um vale fértil dos Andes, está rodeada de vulcões espetaculares. Um deles El Misti (5822m), em forma de cone.

Como está rodeada de vulcões e sujeita a terramotos, é uma cidade que não tem edifícios muito altos. O que dá à cidade um aspeto bem equilibrado. Os prédios baixos, juntamente com a areia branca das dunas torna Arequipa uma cidade linda. É uma das cidades Património Mundial da UNESCO.

Contudo a sua atmosfera é sossegada e colonial. É gratificante visitar o Mosteiro de Santa Catalina. Este convento imenso é uma cidade dentro de outra cidade, e é agora um museu. As paisagens são dignas de ver.

 Mais Informao

 

Colca

Colca

Vale do Colca é um lugar que parece ter parado no tempo, com povos do século XVI dispersos por toda a área.

Estas povoações habitadas pelos descendentes dos Collaguas e Cabanas são possuidoras de uma grande história e tradições que perduraram ao longo dos anos. O vale possui, também uma grande variedade de atractivos naturais que poderá desfrutar durante a sua visita.

Desde o povoado de Chivay (capital da Província de Caylloma), localizado na parte a meio do vale, poderá iniciar os percursos que o levarão a conhecer os principais lugares deste vale.

Os túmulos de Choquetico foram construídos pelos Collaguas aproximadamente no ano 1200 d.C. São formadas por orifícios escavados nas escarpadas bordas do Cerro Cabanaconde, a 27 km de Chivay.

O miradouro da Cruz do Cóndor: Um maravilhoso miradouro natural localizado a 3,287m, onde se pode admirar o majestoso voo do Cóndor e de onde se pode apreciar a vista espetacular de Colca, assim como o percurso do rio com o mesmo nome nas profundidades do vale. Onde se construiu uma grande cruz e um pequeno muro de pedra para segurança dos turistas.

Castillo de Callalli: uma série de formações geológicas criadas por acção do vento e da chuva, numa área localizada a 3,850 m. Este lugar encontra-se a uns 43 km de Chivay.

 Mais Informao

 

Nazca

Nazca

banner 320x50 pt

Nazca está localizada a 450 km ao sul de Lima no Peru. É uma pequena cidade de 30.000 habitantes. É conhecida no mundo pelas famosas linhas de Nazca, que forma uma série de desenhos gigantescos que são vistos somente de um pequeno avião que faz um voo sobre as linhas.

Maria Reiche, uma famosa matemática alemã, falecida em 1998 com 95 anos de idade, residiu longo tempo em Nazca, tornando-se a pesquisadora que mais estudou tais linhas.

Atualmente não se sabe ao certo quem fez os gigantescos e famosos desenhos (alguns de até 200 metros). Os desenhos foram feitos simplesmente arredando as pedras para o lado expondo o solo mais branco da região.

Maria Reiche considerava que elas foram feitas pelas culturas Paracas e Nazca durante o período de 800aC e 600dC. Ela acreditava que se tratava de um calendário com propósito agrícola.

Existem muitas outras teorias, dentre os quais a de Erich von Daniken que as relaciona com os extras terrestres.

As linhas podem ser vistas com maior precisão a partir de um voo de um pequeno avião (3 passageiros por vez), a partir do aeroporto de Nazca. No voo de 30 minutos o piloto mostra os 13 desenhos gigantes, tanto para os passageiros da direita como da esquerda.

Ao todo são 13 figuras, sendo as mais conhecidas:

- o macaco (com 90 metros)

- a aranha

- o condor

- o astronauta

 Mais Informao

 

Cemitério de Chaullita

A 30 km de Nazca fica o Cemitério de Chaullita, onde se pode observar os túmulos, esqueletos e múmias do período 1000 a 1300aC.

A poucos anos atrás as múmias eram vistas na superfície, mas agora elas foram colocadas em 12 túmulos.

O cemitério foi descoberto pelos fazendeiros locais. A total ausência de chuvas na região tem permitido a preservação destas múmias.

 

 

Paracas – Ilhas Ballestas

Paracas

banner 320x50 pt

Localizada no deserto costeiro do distrito de Ica, sobre uma superfície de 335.000 hectares, Paracas é a única reserva nacional que protege o mar frio que banha a corrente de Humboldt.

Esta singular zona conta com um dos mares mais ricos do mundo, condição favorecida pela ocorrência da afloração marinha que eleva para a superfície grandes quantidades de plâncton, alimento vital de inumeráveis espécies de peixes.

Paracas é a terra das aves guaneiras e as grandes colónias de lobos marinhos, o lugar de visita anual de dezenas de aves migratórias, e o último refúgio para uma série de espécies endémicas e em perigo de extinção, como o gato marinho ou chingungo, o pinguim de Humboldt e as parihuanas ou flamengos. Paracas foi também o berço da cultura Paracas, importante civilização pré-colombiana, cujo legado tem forma de espectaculares mantos têxteis e cerâmica.

As Ilhas Ballestas são o refúgio dos leões-marinhos que ali se reproduzem. Estima-se que existam hoje 37.000 leões-marinhos a viver nas ilhas. As ilhas possuem belas formações rochosas e é o recanto de milhares de aves.

É proibido desembarcar nas ilhas e todo o passeio é feito na lancha. Poderá ser encontrado o pinguim Humbolt.

Algumas características dos leões-marinhos:

- Cada macho tem 14 fêmeas. Os machos matam os filhotes do sexo masculino com medo da futura competição;

- O macho pode chegar a 200 kg e a fêmea até 80 kg;

- A gestação é de 11 meses e geram apenas um filho de cada vez;

- Vivem até aos 25 anos e a partir de um ano já são adultos e podem procriar.

 Mais Informao

 

Puerto Maldonado – Amazónia

Puerto Maldonado

banner 320x50 pt

Conscientes da sua diversidade, dos seus bosques e rios, milhares de viajantes chegam à cidade de Puerto Maldonado, a capital de Madre de Dios para iniciar a partir daí uma rota de emoções, revelações e descobrimentos.

Fundada a 10 de Julho de 1902, com esse nome, em homenagem ao explorador Faustino Maldonado, que percorreu as águas do rio Madre de Dios até sua confluência com o rio Tambopata, Puerto Maldonado é a entrada de três dos parques nacionais da Amazónia peruana, tesouros naturais que albergam uma extraordinária diversidade de espécies de flora e fauna silvestre: Manu, Bahuaja-Sonene e Tambopata-Candamo.

O Parque Nacional de Manu é a maior área natural protegida de seu género, no Peru. Localizado entre Cusco e Madre de Dios, abarca a totalidade da bacia do rio Manu.

Subindo o rio Tambopata ou o rio Madre de Dios aproxima-se do Parque Nacional Bahuaja-Sonene (Tambopata-Heath) e pelo rio Heath chega-se às Pampas do Heath, a única formação vegetal de tipo savana localizada no profundo dos bosques tropicais de Peru e refúgio de espécies únicas de fauna silvestre. Na margem do rio Tambopata, está a Zona Reservada Tambopata-Candamo, conhecida por possuir uma das maiores diversidades de espécies de mamíferos, árvores, insectos e aves do mundo.

As festas de Madre de Dios, como a festa de San Juan em Junho ou a semana Turística e Ecológica são excelentes motivos para desfrutar da comida regional e gozar de um refrescante banho no lago Sandoval ou pescar no lago Valencia, enquanto se observa uma grande variedade de espécies vegetais, peixes e fauna silvestre.

 Mais Informao

 

Trujillo

Trujillo

banner 320x50 pt

Em Trujillo a primavera é eterna. O sol sempre brilha cheio de luz até aos recantos mais escondidos na capital La Libertad, alegrando a alma de uma cidade afável, sincera e orgulhosa das suas fortalezas de lama construídas pelo Chimús e os Mochicas; das suas grandes casas espanholas ou coloniais que constituem a herança do tempo colonial e dos começos da República; e da marinera, a dança nacional do Peru, uma onda de sensualidade e calor onde, dizem, nasce o amor.

Localizada na costa de norte do Peru, Trujillo foi fundada em 1534 por Don Diego de Almagro que ao parar no vale do rio Moche, a caminho de Pachacamac (Lima)," ele encontrou um lgar lucrativo e conveniente para fundar uma cidade" a qual baptizou com o mesmo nome da cidade espanhola, onde nasceu.

Desde a sua fundação, a cidade teve um desenvolvimento expressivo devido à fertilidade do vale e por causa do esforço de seus moradores que construíram grandes e elegantes casas, onde podemos apreciar as maravilhosas e artísticas grelhas de ferro forjado que dão um toque de distinção e elegância e que se destacam na arquitetura da cidade de Trujillo.

Mas o charme de Trujillo não está só no seu passado colonial e pré-hispânico.

No vale de Moche, fica localizada a cidade de Chan-Chan, capital do Reino dos Chimús, considerada como a maior cidade, construída com tijolos feitos de lama do mundo (20 km2 de superfície) e que apenas é comparável aos restos arqueológicos de Teotihuacan no México ou às velhas cidades do Egipto.

A Huaca do Sol, uma pirâmide 20 metros de alto, a Huaca da Lua onde são apreciados murais surpreendentes que representam os rituais dos Mochicas, e o Complexo de El Brujo onde se destaca uma pirâmide de adobe 30 metros de altura e tem mais de 15 séculos, eles comprovam a grandeza dos primeiros habitantes da costa norte do Peru.

 Mais Informao

 

Chiclayo

Chiclayo

banner 320x50 pt

Uma das cidades do Peru que está com um crescimento rápido e moderno. É uma importante cidade de comércio e a capital da zona costeira.

Com uma população de 400.000 habitantes, torna-se a quarta cidade do país. Em 1987 foi descoberto o túmulo real Inca em Moche, Sipan, cerca de 30 km da cidade de Chiclayo. Esta descoberta foi considerada um das mais importantes descobertas dos últimos 50 anos.

Mais Informao

Segue o álbum do(a) Hotelbooking Peruno Pinterest.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Promoções
 
 
 
 

money-icon

Como poupar nas férias
 
  Iberica360
Voos Baratos
Busca de Voos
flightradar
 
  Paper-Money-icon
Conversor de Moeda
 
 
 
 
 

Online

Temos 94 visitantes e 0 membros em linha