As melhores coisas para fazer na Cidade de Nova Iorque, EUA

Nova Iorque

Principal cidade do estado homónimo, New York City, Cidade de Nova Iorque ou simplesmente Nova Iorque é a cidade mais populosa dos Estados Unidos da América e centro da Região Metropolitana de Nova Iorque, uma das áreas metropolitanas mais populosas do mundo, New York City ou Nova Iorque é o destino de referência para todos aqueles que pretendem visitar os Estados Unidos.

Nova Iorque

Lar de 8.5 milhões de habitantes, Nova Iorque tem quase tantos habitantes na sua área de 784 km² como Portugal.

Esta cidade norte americana é um verdadeiro mundo à parte, com imensos distritos históricos para visitar e uma verdadeira infinidade de coisas para ver, experimentar,cherar, ouvir, enfim, sentir a atmosfera vibrante e característica.

Nova Iorque

Também conhecida como “The Big Apple”, Nova Iorque é um importante centro gastronômico, musical, cultural e empresarial, e conta com uma infinidade de museus de classe mundial, instituições culturais, bairros peculiares e lojas e restaurantes para agradar a qualquer bolso, Nova Iorque tem sempre algo para todos.

Localizada num dos maiores portos naturais do mundo, a cidade é composta por cinco divisões administrativas “boroughs” distintas: Bronx, Brooklyn, Manhattan, Queens e Staten Island.

Lar de atrações icónicas como a Estátua da Liberdade, Empire State Building e imensos outros locais que já deve ter visto em filmes, esta cidade excitante onde se vive a um ritmo alucinante rapidamente revela a sua verdadeira essência a qualquer visitante.

Destino ideal para visitar e revisitar vezes sem conta, Nova Iorque é daquelas metrópoles onde é praticamente impossível visitar e conhecer tudo. Se quiser conhecer o máximo de Nova Iorque de uma forma inteligente e mais barata, nada como adquirir à chegada um “New York Pass” que permite a entrada gratuita ou bons desconto para mais de 80 atrações turísticas, economizando não apenas dinheiro, mas também o tempo que estaria em longas filas para algumas das atrações.

Deixamos aqui algumas das melhores atrações de Nova Iorque:

 

 

As melhores coisas para fazer em Nova Iorque

 

42nd Street

42nd Street

Times Square é um dos marcos mais visitados de Nova Iorque e nenhuma rua condensa tudo que este destino tem para oferecer tão bem quanto a 42nd Street.

A 42nd Street representa o coração da Big Apple e o ápice para atores e atrizes que querem fazer história nos palcos. Mas esse local movimentado tem muito mais para oferecer aos viajantes para além do entretenimento ao vivo.

Para além de ser o centro do distrito teatral e uma avenida da Times Square, este trecho icónico de rua que vai de leste a oeste também é o lar de muitos dos locais mais impressionantes da cidade.

É aqui que se situa a a impressionante Grand Central Station, o oasis urbano de Bryan Park, a Sede das Nações Unidas e a Biblioteca Pública de Nova Iorque.

 

 

 

 

NY Skyride

Skyride

Esta é uma popular atração que oferece aos turistas um passeio virtual exclusivo por todas as maiores (e mais famosas!) atrações de Nova Iorque. Localizado no segundo andar do famoso Empire State Building, o NY Skyride utiliza tecnologia digital, efeitos especiais e um ecrã gigante para levar os visitantes a um passeio virtual pela Big Apple.

O NY Skyride é a opção perfeita para quem viaja com um orçamento apertado, ou aqueles que querem explorar a cidade a partir do conforto e segurança de uma cadeira de um teatro em vez de estarem a bordo de um helicóptero.

Combinado com uma passagem pela plataforma de observação do Empire State Building, onde vistas épicas do horizonte da cidade são realmente imbatíveis, o NY Skyride é a tarde de aventura perfeita em Nova Iorque.

 

 

 

Museu Americano de História Natural

Museu Americano de História Natural

Admire-se e maravilhe-se num dos maiores e mais famosos museus do mundo, o Museu Americano de História Natural.

Educativo e divertido, esta instituição de Nova Iorque é perfeita para adultos e crianças. Desde ossos de dinossauros até galáxias distantes, passe um dia explorando o mundo, passado e presente. Adicione esta atração popular de Manhattan ao seu itinerário em Nova Iorque para um dia de surpresas do qual você não se esquecerá. Eleita a atração número 1 da cidade de Nova York City e o terceiro destino mais popular dos EUA pelo Guia de Viagens Zagat Survey Family!

 

 

 

Museu da Arte Moderna / Museum of Modern Art

Museu de Arte Moderna

Considerada uma das melhores galerias de arte moderna do mundo, o MoMA oferece aos visitantes uma master class em arte modernista e contemporânea. Com uma coleção de mais de 150 mil obras de arte, além de uma coletânia considerável de filmes e fotografia. Os destaques familiares do MoMA incluem as Nenúfares de Monet e obras de Van Gogh, Rousseau, Picasso, Dali, Warhol, Pollock, Andrew Wyeth e Frida Kahlo.

Museu de Arte Moderna

Exposições são realizadas ao longo do ano, juntamente com arte performática e exposições de arquitetura, gravuras e livros ilustrados. O edifício foi recentemente renovado para expandir amplamente o espaço de exposição do museu.

 

 

 

Empire State Building

Empire State Building

O Empire State figura no topo da lista dos arranha-céus mais icónicos de Nova Iorque.

Empire State Building

Este arranha-céu art déco, situa-se no cruzamento da Quinta Avenida com o W 34th Street, e é um dos cartões postais de Nova Iorque e uma das atrações turísticas que praticamente ninguém deixa de visitar nesta cidade norte americana.

O icônico prédio de 102 andares, cuja construção foi concluída em 1931, não só é uma maravilha arquitetônica, como também oferece as mais espetaculares vistas de 360 ​​graus de Gotham das suas duas plataformas de observação. Elevadores panorâmicos de alta velocidade transportam os visitantes a ambas as plataformas, onde binóculos de alta potência permitem visualizar com precisão as atrações preferidas de Nova Iorque desde o topo e conferir algumas informações sobre cada uma delas. Deste miradouro terá vistas espetaculares  do Central Park, Times Square,Flatiron Building, Ponte de Brooklyn, Chrysler Building, Estátua da Liberdade e muito mais!

 

 

 

Estátua da Liberdade

Estatua da Liberdade

Uma visita a Nova Iorque nunca será completa em um passeio para admirar a Estátua da Liberdade! Este majestoso monumento foi projetado pelo famoso arquiteto Richard Morris Hun e oferecido pela França, em 1886, como presente pela comemoração do 100º aniversário da Declaração da Independência.

Statue of Liberty

A estátua mede 46 metros de altura e está localizada na Ilha da Liberdade, na entrada do Porto de Nova York. Esta atração recebe milhares de visitantes com o famoso poema "Give me your tired, your poor / Your huddled masses yearning to breathe free".

Durante a visita poderá descobrir o interior deste famoso ícone e subir até o topo do seu pedestal, que oferece vistas panorâmicas de Ellis Island, Nova Iorque, New Jersey e New York Harbour. Tenha em atenção que o número diário de visitantes é limitado pelo que é altamente recomendável reservar a sua visita antecedência de modo a não perder a oportunidade de visitar uma das principais atrações durante a sua estadia em Nova Iorque.

 

 

 

 

Ferry para Staten Island

Staten Island Ferry

Para chegar à Estátua da Liberdade terá que fazer um pequeno passeio e barco no Staten Island Ferry.

Staten Island

O Staten Island Ferry está em serviço desde 1905, transportando mais de 21 milhões de passageiros todos os anos na jornada de 25 minutos até ‘Lady Liberty’. Embarque no terminal de Whitehall do Ferry para a Staten Island em South Ferry, próximo ao Battery Park e, de Staten Island, o barco chega e parte do terminal de St. George no Richmond Terrace. O serviço é extremamente confiável, funcionando a cada 30 minutos, 24 horas por dia.

 

 

 

Harlem

Harlem

Dr. Martin Luther King Jr. Boulevard (125th Street) é a principal rua de Harlem. A ernorme quantidade de pontos turísticos inclui o Apollo Theater, Studio Museum, Cathedral of St John the Divine, Striver's Row, as moradias de Astor Row e o Museu da Cidade de Nova York.

Harlem

Faça um passeio conduzido por um nativo, assista uma noite de amadores no Apollo Theater às quartas-feiras, experiemente a soul food da Sylvia na Lennox Avenue, ou ouça a gloriosa música gospel a plenos pulmões na Igreja Abissínia Batista aos domingos.

 

 

 

Memorial e Museu Nacional 9/11

9-11 Memorial & Museum

É um raro espaço verde em Lower Manhattan, com a sombra dos vários carvalhos brancos escolhidos pela sua coloração outonal. Duas enormes fontes com a assinatura dos arquitetos Michael Arad e Peter Walker marcam as pegadas das torres que agora abrigam quedas d'água. As fontes são cercadas por parapeitos de bronze com a inscrição dos nomes daqueles que se foram na tragédia. Homenagens pessoais são bem-vindas e podem ser incorporadas ao Museu Memorial, com abertura prevista ainda em 2012. 

 

 

 

 

9/11 Tribute Center

9_11-tribute-center

O 9/11 Tribute Center é uma homenagem às vítimas do atentado de 11 de setembro através de exposições de fotografia e artefatos, bem como a arte de contar histórias, desde 2006. Os visitantes podem explorar as salas deste memorial fundado pela Associação das Famílias do 11 de Setembro, e aprender sobre um dos dias mais trágicos e marcantes da história da cidade.

Os viajantes podem fazer um tour com um dos 200 guias que irão compartilhar suas histórias, experiências e memórias deste dia trágico. Tours de áudio que oferecem um vislumbre mais aprofundado através da narração de mais de 20 guias também estão disponíveis para ajudar os turistas a navegar pelas galerias repletas de imagens icônicas, fotos de família e outros itens relacionados aos ataques ao World Trade Center. Uma coleção única de histórias contadas oralmente por meio de mais de 400 relatos do dia é um dos principais destaques deste memorial imperdível.

 

 

 

Broadway

Broadway

A Broadway, uma das ruas mais famosas de Nova York, estende por todo o comprimento de Manhattan, e o seu coração fica a apenas algumas quadras da Times Square.

Para a maioria dos visitantes de Nova York, o nome Broadway é sinônimo de teatro, musicais e shows de primeira linha. No entanto, a Broadway, mais do que qualquer outra rua na América, significa pura e simplesmente entretenimento!

Reserve ingressos para shows na Broadway antecipadamente com a gente para ter acesso aos melhores lugares e preços dos espetáculos mais concorridos do mundo! Vendedores locais também oferecem promoções de última hora, mas nem sempre nos melhores lugares.

Não perca esta oportunidade e garanta uma experiência inesquecível durante a sua passagem por aqui!

 

 

 

 

 

 

Memorial John Lennon: Strawberry Fields

Strawberry Fields

Localizado no Central Park, Strawberry Fields ocupa um hectar dedicado ao membro dos Beatles, John Lennon. Inaugurado em 1985, cinco anos após Lennon ser assassinado no exterior da sua casa em “The Dakota”, o memorial é batizado segundo o hit "Strawberry Fields Forever" dos Beatles. O foco do memorial é um mosaico de pedra com azulejos embutidos soletrando a palavra "Imagine", nome da canção mais famosa dos Beatles.

Aqui é o lugar onde você poderá ver sessões de música improvisadas pelos fãs, especialmente no aniversário de John Lennon, em 9 de outubro, e na data da sua morte, em 8 de dezembro.

É também um lugar para vigílias, como após os ataques de 11 de setembro, e memoriais para outros músicos famosos. Embora todo o memorial seja um lugar de paz, o Garden of Peace é particularmente especial, cheio de vida das plantas e rochas doadas por 150 países diferentes para meditação contemplativa.

 

 

 

Times Square

Times Square

Times Square é um marco lendário de Nova York, sinônimo de toda a riqueza e glamour da Big Apple. É o centro das luzes e anúncios de neon, famosos teatros da Broadway, turistas apressados e do Ball Drop na véspera de Ano Novo.

Naturalmente, Times Square não é uma praça em si, mas o cruzamento triangular de várias vias principais. Felizmente, a Broadway é pedonal no trecho que passa pela Times Square, da 42th até 47th Streets, com assentos na praça que permitem que os visitantes parem, olhem tudo que tem ao redor e relaxem.

Uma visita a Times Square é uma parte essencial de férias em Nova Iorque, independente de você vir aqui para fazer compras, comer, beber, assitir a um espetáculo, ou simplesmente impressionar-se com a mistura de diferentes estilos arquitetônicos, luzes de neon e o vai e vem dos nova-iorquinos.

 

 

 

Deck de Observação “Top of the Rock”

Top of the Rock Observation Deck

O Top of the Rock oferece vistas de tirar o fôlego da cidade de Nova York do topo do famoso 30 Rockefeller Plaza, bem no centro de Manhattan. Miradouros exteriores oferecem vistas cobertas nos 67º e 69º andares, enquanto o 70º andar (no topo) existe uma área descoberta, com uma vista de 360 graus.

Poderá permanecer quanto tempo quiser lá em cima do Top of the Rock para vistas privilegiadas da cidade de Nova Iorque enquanto o dia acaba e a cidade se ilumina, por exemplo. Enquanto as paisagens são semelhantes às do Empire State Building, aqui as filas são mais curtas e a experiência é menos movimentada e mais tranquila.

Poderá avistar os principais pontos turísticos de Nova Iorque, incluindo o Chrysler Building, Times Square, o Rio Hudson, o East River, a Ponte do Brooklyn e a Estátua da Liberdade. Além disso, você terá a possibilidade de tirar fotos incríveis do Empire State Building!

 

 

 

 

Radio City Music Hall/Radio City Music Hall Stage Door Tour

Radio City Music Hall

O Radio City Music Hall é um dos locais de música e entretenimento mais importantes de Nova York - na verdade, a sua placa vertical de néon é um ícone da cidade. O Radio City Music Hall é também o maior teatro coberto do mundo, com as maiores cortinas de palco do mundo para combinar.

Radio City Music Hall

Parte do Rockefeller Center da década de 1930, o lendário teatro de 6 mil lugares recebe anualmente o show Christmas Spectacular, bem como uma seleção impressionante de cantores, bandas, comediantes e artistas durante o ano inteiro. Faça uma visita Stage Door para aprender sobre as Radio City Rockettes, explorar o glorioso interior Art Deco e ver o seu grande palco.

 

 

 

Grand Central Station

Grand Central Station

A Grand Central Station (também conhecida como Grand Central Terminal), é um terminal ferroviário suburbano com 44 plataformas - mais do que qualquer outra estação do mundo - e cobre 48 acres, servindo passageiros de e para condados dentro e fora do estado de Nova Iorque.

Grand Central Station

Todas as plataformas situam-se abaixo do solo, em dois níveis.

Construída em 1913, é uma das atrações mais visitadas do mundo, com mais de 21 milhões de visitantes em 2013, que passam a admirar não apenas seus projetos impressionantes, mas também a visitar as muitas lojas e restaurantes de seu complexo.

As principais características do grande e opulento Main Concourse são as suas enormes janelas arqueadas, bilheterias, o famoso relógio de quatro faces, grandes escadarias, lustres e, em cima, o teto azul celeste com detalhes astronômicos dourados. Estátuas e um relógio de vidro da Tiffany dominam o exterior.

 

 

 

Central Park

Central Park

Com uma interminável área de 843 acres (praticamente 3,5 mil metros quadrados) em plena Uptown Manhattan, o Central Park é o pulmâo e a alma de Nova Iorque. O parque é repleto de passarelas, pistas para corrida e bosques.

Central Park

O Central Park não serve apenas para relaxar. No local, você encontra jardim zoológico, pista de patinagem, teatro, reservatório, lago para passeios de barco, fontes, trilhas e até um carrossel. E caso você queira comer algo por lá depois de toda essa atividade, dê um pulo à Loeb Boathouse para um buffet de almoço ou jantar!

Populares pontos do Central Park para fotografar incluem as estátuas de Alice no País das Maravilhas e de Balto Malamute, o Castelo Belvedere no topo da Vista Rock e o jardim memorial de John Lenon na Strawberry Fields, em frente à antiga moradia do artista, no prédio Dakota.

 

 

 

The Wall Street Experience – Wall Street Tours

The Wall Street Experience

A Wall Street Experience oferece uma experiência abrangente aos visitantes interessados ​​neste famoso distrito financeiro da América do Norte.

Licenciados pela cidade de Nova Iorque, os passeios são feitos por guias que trabalham ou trabalharam na grande rua, gerenciando negócios bilionários e alguns que também estavam na linha de frente da crise financeira.

Independentemente de você estar ou não familiarizado com os detalhes e eventos da calamidade financeira, os guias dexplicam tudo de forma tão clara que é bastante fácil de compreender por todos.

 

 

 

Little Italy

Little Italy

Como a vizinha Chinatown, Little Italy é um resquício vibrante da lendária formação multicultural de Manhattan. Uma bela área para passear na cidade, seu foco é Mulberry Street e a antiga Catedral de São Patrício.

Little Italy

É um bairro histórico de ruas de paralelepípedos, cortiços, bares de pizza e restaurantes italianos. A sua parte mais autêntica é a seção de Mulberry Street, entre Broome Street e Canal Street.

Em setembro, Mulberry Street é o palco do festival de rua San Gennaro por 11 dias, com desfiles, vendedores ambulantes e barracas de comida ao ar livre.

 

 

 

 

Chelsea Market

Chelsea Market

Construído na antiga casa do National Biscuit Company (onde a Oreo nasceu), este marco de Chelsea foi inaugurado em 1997 como um mercado de múltiplas finalidades e complexo empresarial.

Chelsea Market

Um refúgio foodie, o Chelsea Market é lar de algumas das guloseimas mais procuradas de Nova Iorque (incluindo Jacques Torres Chocolate), assim como de aclamados restaurantes (como o famoso sushi Morimoto), e os estúdios e escritórios do Food Network.

Redesenhado por Vandeberg Architects, o Chelsea Market apresenta hoje uma alegre galeria comercial, mas ainda incorpora muito dos dutos, ladrilhos e placas de sinalização do local original. A versão de 1890 da estrutura foi dividida em dois prédios principais ligados por uma passarela; e esta, que atravessa o edifício no lado da 10th Avenue, faz parte do High Line, um canteiro elevado de quilômetros de extensão que transformou completamente um trecho antigo da Estrada de Ferro Central de Nova Iorque.

 

 

 

 

Museu Metropolitano de Arte

Museu Metropolitano de Arte

O Met é um dos mais prestigiados centros culturais do mundo, sendo comparado em importância ao Louvre, ao Museu Britânico e ao Vaticano.

Cerca de cinco milhões de visitantes vêm todo ano ao local para curtir atrações que vão do templo egípcio de Dendur, a trabalhos com técnica Tiffany, a obras dos "Old Masters".

Se ainda sobrar tempo, você também pode ver estátuas romanas, instrumentos musicais e obras de arte modernas. O Met também é um ótimo lugar para admirar a arte americana. Um dos destaques é a série de salas com decoração de época e os quadros de Whistler e Sargent.

Visite as atrações principais e aproveite para jantar no Great Hall Balcony ou, quem sabe, tomar uma bebida no bar do terraço.

 

 

 

Flatiron Building

Flatiron Building

Situado em Manhattan, na 175 Fifth Avenue com a Broadway, Flatiron Building é um arranha-céu inovador. Construído em 1902, tem 22 andares e 93 metros. Embora não seja o prédio mais alto de Nova Iorque, a sua dramática fachada Beaux-Arts torna-o numa atração popular, especialmente para os fotógrafos.

O que também o torna especial é que, ao contrário de outros arranha-céus de Nova Iorque, o Flatiron Building apresenta um estilo único, da escola de Chicago, que divide a fachada em base, fuste e capitel, o que faz sentido, uma vez que foi concebido pelo arquiteto Daniel Burnham, de Chicago.

 

 

 

Carnegie Hall

Carnegie Hall

Localizado em 881 Seventh Avenue, em Midtown West, o Carnegie Hall é um espaço de apresentações conhecido por ser uma importante instituição cultural, bem como um espaço onde muitos músicos notáveis se lançaram profissionalmente. Inaugurado em 1891, é o local onde Judy Garland fez um álbum que ganhou cinco Grammys em 1961, Benny Goodman elevou o status da música swing e produziu um dos mais vendidos álbuns de jazz da história, em 1938, e Dr. Martin Luther King Jr. fez o seu último grande discurso público de todos os tempos, em 1968.

Hoje, o Carnegie Hall recebe cerca de 250 espetáculos de música clássica e popular de alta qualidade por temporada. A arquitetura é outro atrativo da atração, já que é um dos últimos grandes prédios da cidade construídos inteiramente de alvenaria sem estrutura de aço. Além disso, o seu design renascentista italiano com detalhadas esculturas, paredes com isolamento e altos pés-direitos resultam em um belo local e uma ótima acústica.

 

 

 

One World Trade Center

One World Observatory

O One World Trade Center é um dos prédios mais novos em Lower Manhattan e, com seu pináculo facilmente reconhecível, rapidamente se tornou num ícone no horizonte da cidade. Erguendo-se por 541 metros, este imponente arranha-céu prateado espelhado é o edifício mais alto do hemisfério ocidental. Sua proximidade ao Ground Zero, ao distrito financeiro, ao New York Stock Exchange e ao 9/11 Memorial Museum o torna o lugar perfeito para admirar uma maravilha construída pelo homem em uma excursão pelas atrações da área.

One World Trade Center

Desde 2015, os viajantes podem apanhar um dos 70 elevadores do prédio para três incríveis plataformas de observação, que atraem anualmente cerca de quatro milhões de turistas.

 Os visitantes podem admirar o horizonte da cidade e o bairro do Brooklyn, dos andares 100, 101 e 102.

 

 

 

One World Observatory

One World Observatory

Os turistas que querem experimentar a vida no topo do mundo não precisam mais procurar, para isso existe o pináculo do One World Observatory.

O prédio mais alto do Hemisfério Ocidental, este arranha-céu de Manhattan tem um elevador de alta velocidade que leva os visitantes direto ao 102º andar em menos de 60 segundos. A impressionante tecnologia time-lapse mostra a transformação da cidade desde o ano de 1500 até a época moderna enquanto os visitantes são transportados ao topo.

A atração principal, conhecida como Discovery Level, está localizada no 100º andar do One World Observatory. Os visitantes concordam que as vistas de 360º destacam o melhor de Manhattan e oferecem vistas impressionante das hidrovias e do icônico horizonte da cidade. Várias instalações de alta tecnologia proporcionam aos turistas uma experiência única de focar em bairros específicos ou conferir, em tempo real, o movimento das ruas lá em baixo.

 

 

 

Quinta Avenida (Fifth Avenue)

Quinta Avenida

Abrangendo desde o norte de Washington Square até a 142nd Street, no Harlem, a Fifth Avenue é frequentemente apontada como uma das ruas comerciais mais caras do mundo. Isso é verdade principalmente quando se anda entre 49th e 60th, lar de lojas como Armani, Tiffany & Co., Bergdorf Goodman e da icônica Saks Fifth Avenue.

A Quinta Avenida também abriga muitas das principais atrações e museus de Nova York, incluindo a Museum Mile, que vai da 82nd to 105th e possui 10 museus, como o Museu Metropolitano de Arte, o Museu Judaico e o Museu de Arte Africana. O Rockefeller Center, um famoso prédio comercial, de restaurantes e escritórios, que também é o lar do NBC Studios, assim como Flatiron Building, o Central Park, a Catedral de St. Patrick e o Empire State Building, também são atrações que se encontram na Quinta Avenida. E para uma vista panorâmica da cidade, peça um coquetel em um dos bares com terraço da avenida, como o 230 Fifth e o Eataly’s La Birreria.

 

 

 

 

Chrysler Building

Chrysler Building

Chrysler Building é um excelente exemplo da extravagante arquitetura Art Deco, em toda a sua glória. Um encontro de curvas inspiradas em automóveis brilhantes e gárgulas em forma de tampas de radiadores, o arranha-céu de 77 andares foi construído entre 1928 e 1930. Suas características mais marcantes são a coroa e a torre em um detalhado ziguezague pontiagudo.

Você pode entrar no saguão para contemplar o esplendor dos seus murais Art Deco, mas sem uma plataforma de observação, aqui termina o acesso dado aos visitantes. Talvez a melhor vista do prédio seja a partir do seu arqui-rival, o Empire State Building.

 

 

 

 

Rockefeller Center

Rockefeller Center

Para uma dose memorável de Art Deco, em toda a sua glória, mergulhe no design da década de 30 no Rockefeller Center. Um complexo de 19 edifícios e jardins, o Rockefeller Center é onde você vai encontrar a famosa pista de gelo e árvore de Natal, Radio City Music Hall, a NBC Studios, e o deck de observação Top of the Rock .

Para compras e refeições existem mais de 100 lojas, 40 restaurantes, e um sem fim de shoppings subterrâneos.

Visite os bastidores de uma turnê nos estúdios da NBC Studios, parando para ter sua foto tirada no balcão de notícias ou dar uma previsão do tempo de improviso. Tours no Rockefeller Center destacam a rica variedade de estátuas Art Deco, esculturas e murais em exposição, incluindo a famosa estátua dourada de Prometeu no Baixo Plaza e Atlas na Fifth Avenue.

 

 

 

 

Ponte de Brooklyn

Ponte do Brooklyn

A ponte mais famosa de Nova Iorque atravessa o East River de Manhattan até o Brooklyn. Caminhar por esta ponte histórica é uma atividade imperdível, com vistas maravilhosas por todos os lados.

Construída nas décadas de 70 e 80, a Ponte do Brooklyn foi uma das primeiras pontes de suspensão a ser construída nos EUA. Na época, era a maior ponte suspensa do mundo. As enormes torres góticas em cada extremidade chamam ainda mais atenção à noite, quando estão iluminadas, e seus altos arcos alongados são um símbolo de Nova Iorque.

Confira os pontos de observação sob as torres de suporte, com ilustrações panorâmicas que descrevem a história da zona portuária de Nova Iorque, e depois fique para ver como as luzes da cidade de Manhattan e Brooklyn se acendem ao anoitecer.

 

 

 

Greenwich Village

Greenwich Village

Um dos mais charmosos bairros residenciais da cidade de Nova Iorque, Greenwich Village tem reputação de boêmia e é um local onde hoje em dia apenas os ricos podem se dar ao luxo de viver nestas ruas arborizadas.

Greenwich Village

No lado oeste de Lower Manhattan, o Village é uma área arborizada de moradias baixas, cafés e ruas estreitas e angulares contrastando com a planta ordenada de Nova Iorque. A Universidade de Nova York tem uma presença dominante aqui.

Para os visitantes, esta é uma região perfeita para caminhar e você vai encontrar alguns excelentes cafés e restaurantes italianos escondidos pelas ruas estreitas. Se você está à procura de um pouco de verde, os relvador repletos de estátuas, muitos artistas de rua, e áreas de passeio de cães de Washington Square Park podem ser encontrados na W 4th Street.

Passe no café da era beatnik Le Figaro, procure por discos no Bleecker Bob’s Records, ou assista as crianças das redondezas jogando basquete nas quadras ao ar livre da 4th Street.

 

 

 

Madame Tussauds Nova Iorque

Madame Tussauds

Nova Iorque é lar de algumas das maiores celebridades e rostos mais famosos do mundo, mas nem sempre uma caminhada por Midtown vai garantir que você veja alguma estrela. Felizmente, a Madame Tussauds - um icônico museu de cera no coração da Times Square - oferece aos viajantes a oportunidade de ficar perto dos mais famosos nomes da música, cinema e televisão.

Madame Tussauds New York

De líderes mundiais a estrelas de Hollywood, os salões do Madame Tussauds estão lotados de rostos reconhecidos no mundo inteiro. Os visitantes podem se preparar para tirar fotos que vão impressionar os amigos e fazê-los acreditar que aquele almoço com Leonardo DiCaprio realmente aconteceu nessa visita que você fez à Big Apple!

 

 

 

Museu Guggenheim

Museu Guggenheim

As obras artísticas do século XX expostas nas paredes brancas e levemente inclinadas do Museu Solomon R Guggenheim muitas vezes ficam em segundo plano no emblemático prêdio projetado por Frank Lloyd Wright.

A última obra do grande arquiteto é uma visão inspiradora, tanto no seu exterior quanto interior, e um programa de restauração completo foi concluído em 2008. Desenrolando-se como uma bobina de fita branca, o espaço de exposição em espiral ascende para uma clarabóia central.

Além de receber exposições temporárias de fotografia e pintura, a coleção permanente do Guggenheim inclui obras de Gauguin, Picasso, Van Gogh, Monet, e outros mestres do início do Modernismo.

 

 

 

The Intrepid Sea, Air & Space Museum

The Intrepid Sea, Air & Space Museum

O Intrepid Sea, Air & Space Museum é uma viagem única através da história militar e marítima, com exposições interativas espetaculares. Localizado no Pier 86, o complexo dispõe de embarcações restauradas autenticamente, a mais impressionante sendo o porta-aviões da Segunda Guerra Mundial, o USS Intrepid e o submarino USS Growler.

Intrepid Sea, Air & Space Museum

Poderá ainda visitar o British Airways Concorde, bem como Sikorsky, Skyhawk, e helicópteros Huey Iroquois da era do Vietname.

Quanto à memorabilia espacial, o novo pavilhão de espacial encontra-se aberto e apresenta Enterprise, o primeiro vaivém espacial. Também poderá visitar uma réplica de uma cápsula Aurora e experimentar a área virtual de voo, que simula a emoção de voar em um jato supersônico.

 

 

 

Lincoln Center for the Performing Arts

Lincoln Center for the Performing Arts

Sede da Filarmônica de Nova York, do New York City Ballet e do Metropolitan Opera House, o Lincoln Center é um complexo de edifícios dentro da Lincoln Square, inaugurado em 1962 para se tornar um dos centros culturais centrais da cidade.

Existe uma incrível variedade de apresentações para os amantes da música de vários géneros, que vão desde o jazz ao clássico ao balé da Broadway. As crianças também não são esquecidas, com apresentações especiais de teatro, dança e circo no Clark Studio Theatre, bem como histórias gratuitas, música e festas disponíveis durante todo o ano.

 

 

 

Hayden Planetarium

Hayden Planetarium

Este importante planetário mostra visuais impressionantes do espaço, vistos da Terra, utilizando projeção de vídeo de alta resolução em toda a cúpula do Star Theater. O vídeo é baseado na visualização dos dados científicos astrofísicos mais avançados. Os visitantes podem ver galáxias, planetas e aglomerados de estrelas em resolução nítida e realista. "Star shows" apresentam o mais recente em descobertas cósmicas, em colaboração com os melhores cientistas do mundo inteiro. Observando a grande tela, é quase impossível não imaginar vida fora do nosso planeta.

A esfera tem 26 metros de diâmetro e parece flutuar dentro de um cubo de vidro. Na metade inferior dela, os visitantes podem ver o nascimento do universo no Big Bang Theater. Depois de ver os programas de quatro minutos, os visitantes podem caminhar no Heilbrun Cosmic Pathway, que ilustra a história do Universo desde o Big Bang até os dias atuais, e liga as duas partes da esfera.

 

 

 

Madison Square Garden

Madison Square Garden

O Madison Square Garden é um dos estádios mais famosos do mundo. Apelidada de Garden, a arena coberta situa-se no lugar do muito lamentado Beaux Arts Pennsylvania Station.

Madison Square Garden

O Madison Square Garden recebe cerca de 320 eventos por ano, e é o dos New York Rangers (Hóquei), dos New York Knicks e New York Liberty. Também se realizam aqui espetáculos de circo, provas de atletismo, exposições de cães, convenções, boxe ou concertos de rock.

Há vários outros locais dentro do complexo, incluindo o WaMu Theater, um centro de exposições, restaurantes e lojas.

 

 

 

Estádio dos Yankees

Estádio dos Yankees

O Estádio dos Yankees é um parque icônico no mundo do baseball, mas este que aqui existe atualmente foi inaugurado em 2009. O Estádio dos Yankees original foi construído em 1923 no Bronx e fechado ao longo de 85 anos, até 2008, quando Nova York preparava-se para a abertura do novo local, no mesmo bairro.

Tanto o design interior quanto exterior do estádio eram para imitar o projeto do local original, e o novo dispõe de um Museu Yankees com uma exposição “ball wall”, simplesmente centenas de bolas de beisebol autografadas por jogadores famosos, como Babe Ruth. O estádio tem capacidade para acomodar mais de 50 mil adeptos e também serve como local para espetáculos e para os jogos em casa do New York Redbulls, da Major League Soccer.

 

 

 

FDNY Fire Zone

FDNY Fire Zone

Para uma maravilhosa experiência de aprendizagem, faça uma visita ao New York City Fire Museum. O local recebe mais de 40.000 visitantes todos os anos que vêm para ver as impressionantes exibições que mostram o desenvolvimento do combate a incêndios das brigadas do New Amsterdam de Peter Stuyvesant até as modernas técnicas e equipamentos de combate a incêndios de hoje.

Há também um memorial especial para os 343 membros do FDNY que perderam suas vidas no 11 de setembro.

 

 

 

New York Public Library

Biblioteca Pública de Nova York

Com aproximadamente 53 milhões de itens, esta é a segunda maior biblioteca pública da Améroca do Norte, apenas superada pela Biblioteca do Congresso, além de ser a quarta maior do mundo.

New York Public Library

Financiada por John Jacob Astor que havia doado $ 400.000 (cerca de US $ 10.9 milhões em 2015) para sua criação, a biblioteca iniciou seu desenvolvimento no século XIX, abrindo suas portas inicialmente em 1908.

 

 

 

The Frick Museum

Frick Collection

Esculturas europeias, obras de arte decorativas e pinturas de antigos mestres são parte do que tornam uma visita ao Frick, em Nova Iorque, tão singular. A coleção particular de Henry Clay Frick, um industrial de Pitsburgo, encontra-se hoje em dia nos corredores de uma mansão da Quinta Avenida, no que se tornou uma exibição perfeita de arte e de riqueza.

Frick Museum

Além de obras-primas de artistas de renome como Bellini, Vermeer e Rembrandt, os visitantes também podem conferir exposições temporárias rotativas, uma série de concertos ao vivo, palestras informativas e programas educacionais em uma visita a este icônico museu de Manhattan.

 

 

 

Tenement Museum

Tenement Museum

Localizado no Lower East Side de Manhattan, o Tenement Museum oferece perspectivas sobre a história dos imigrantes e suas experiências pessoais na região. Os visitantes podem percorrer um edifício residencial na 97 Orchard para conferir em primeira mão como era a vida dessas pessoas, incluindo as condições de vida, desafios e dificuldades. Estas moradias geralmente não tinham água corrente ou eletricidade, e famílias inteiras muitas vezes dividiam pequenos espaços com escritórios.

Há uma série de passeios para escolher, alguns dos quais incluem "Shop Life", "Sweatshop Workers" e "Irish Outsiders". As moradias que você vai explorar e a família sobre a qual você vai aprender depende da excursão que você escolher.

No centro de visitantes, um filme é exibido oferencendo informações antes de explorar ainda mais.

Nota: Para visitar esses prédios, esteja ciente de que é necessário subir vários lances de escadas.