Férias em Milão, Itália

Milão

Cidade de moda, negócios e Sede da bolsa de valores em Itália, Milão combina na perfeição o antigo com o moderno.

Duomo, o seu coração histórico é adornado com a bela Catedral gótica de Milão, enquanto a igreja de Santa Maria delle Grazie atrai multidões com a promessa da icónica Última Ceia de DaVinci, e visita à Basílica de Sant'Ambrogio é uma autêntica lição de arquitetura Romântica. Nas proximidades dessas belas basílicas, situam-se as prósperas Gallerias Vittorio Emanuele; Gucci, Prada e Louis Vuitton.

Milão é um dos destinos turísticos mais importantes da Europa, e o segundo da Itália.

Como chegar a Milão

Aeroportos em destaque

Aeroporto de Milão-Malpensa (MXP) 41,1 km

Orio al Serio Airport (BGY) 45,9 km

Aeroporto de Linate (LIN) 7,2 km

Procura e reserva de Voos

Transferes do Aeroporto e transporte por terra em Milão

 

Onde ficar em Milão:

Milão tem inúmeros hotéis, incluindo o luxuoso Town House Galleria, que é o primeiro hotel de sete estrelas do mundo, classificado oficialmente pela Société Générale de Surveillance, e um dos The Leading Hotels of the World.

 

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Milão, Itália

Hotéis Baratos em Itália

 

Os melhores locais para ficar em Milão:

Brera / Férias em Brera, Milão

Brera

Em uma cidade com tantos bairros da moda, o bairro Brera, em Milão, é um dos mais charmosos. Localizado muito perto do Duomo, no centro histórico, esta é a parte do Milão que pode fazê-lo esquecer da reputação que a cidade tem de agitada.

O bairro Brera é um labirinto de ruas estreitas de paralelepípedo, repletas de lojas e cafés - quando o clima é agradável, as cafeterias atraem todo mundo para essas calçadas, um ótimo lugar para uma parada estratégica. A área comercial chamada Quadrilatero d'Oro fica ali perto, para que você possa conferir as últimas tendêcias fashion de Milão enquanto admira as vitrines.

Além de simplesmente caminhar pelo Brera e desfrutar da atmosfera local, a principal atração do bairro é a Pinacoteca di Brera, um fantástico museu de arte com obras de Botticelli, Rafael, Hayez, Ticiano, Caravaggio, Tintoretto, Mantegna, Piero della Francesca, Rembrandt e Rubens.

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Brera, Milão

 

 

 

 

Distrito Navigli / Férias no Distrito Navigli, Milão

Distrito Navigli

Todos nós estamos familiarizados com os canais de Veneza - mas você sabia que Milão também tem os seus canais? A maioria dos canais da cidade acabou sendo pavimentada, mas um bairro ao sul do centro da cidade ainda tem dois canais visíveis. Um desses canais de Milão é chamado de "naviglio", e tal área circundante ficou conhecida como o distrito Navigli.

Muitos anos atrás, Navigli era conhecido como um bairro de baixo custo de vida. Artistas foram atraídos para cá e montaram sua galerias e lojas, e infelizmente hoje em dia o bairro já não é mais tão acessível para aqueles que uma vez o chamaram de lar. Mas a atmosfera de um distrito artístico ainda é sentida no ar, apesar de ser um pouco mais rústico ao redor. Além das galerias e lojas de arte, Navigli hoje em dia é conhecido pela variedade de cafés, restaurantes e casas noturnas descolados. É uma das melhores áreas de diversão noturna na cidade, e fica super lotado nos finais de semana.

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias no Distrito Navigli, Milão

 

 

 

Porta Nuova / Férias em Porta Nuova, Milão

Porta Nuova

Porta Nuova é o nome de um bairro em Milão, projetado principalmente para uso comercial, mas é o nome de um monumento histórico na área.

Localizado ao norte do centro da cidade, o distrito de Porta Nuova foi por muito tempo negligenciado pela cidade, até que um projeto de renovação urbana começou em 2009. O novo horizonte apresenta vários prédios novíssimos (e muito modernos), e o distrito inclui também um grande parque público.

O nome "Porta Nuova" refere-se a um novo portão, e embora o arco que você vê atualmente tenha sido construído entre 1810 e 1813, eles são relativamente novos se comparados aos antigos portões romanos que antes serviam de entrada nas muralhas da cidade.

 

 

Distritos / Bairros de Milão

 

Estação Central de Milão
Città Studi
P. Vittoria
Lorenteggio
San Siro
Fiera Milano
Estação Garibaldi
Niguarda
Ripamonti Corvetto
Porta Romana
Famagosta
Distretto Viale Monza
Certosa
Sempione Centro de Milão Bicocca – Zara
Navigli Brera Chinatown Bovisa

 

 

O que fazer em Milão / O que visitar em Milão:

 

 

Excursões, ingressos, atividades e coisas para fazer em Milão, Itália

Para qualquer turista Milão é verdadeiramente um destino interessante devido ao estilo de vida incrível, não é apenas o futebol, a ópera, a vida noturna e o verdadeiro paraíso de compras, Milão é muito mais.

Atualmente a segunda maior cidade da Itália, Milão é um dos principais mercados da moda italiana.

Milão possui várias atrações turísticas populares, como o Duomo e a Piazza da cidade, o Teatro alla Scala, o Estádio de San Siro, a Galeria Vittorio Emanuele II, o Castelo de Sforza, a Pinacoteca de Brera e a Via Monte Napoleone.

A maioria dos turistas visita pontos turísticos como a Catedral de Milão, o Castelo de Sforza e o Teatro alla Scala, no entanto, outros locais principais, como a Basílica de Sant'Ambrogio, o Navigli e o distrito de Brera são menos visitados e revelam-se menos populares.

 

Catedral de Milão

Catedral de Milão

A mais carismática atração turística de Milão é, sem dúvida a sua bela e imponente Catedral católica romana situada na praça central da cidade de Milão.

A Catedral de Milão é a sede da Arquidiocese de Milão e uma das mais célebres e complexas edificações em estilo gótico da Europa.

 

 

 

Igreja Santa Maria delle Grazie, Milão

Church of Santa Maria delle Grazie

Situada na Praça homónima em Milão, Santa Maria delle Grazie é uma igreja e convento dominicano, incluído na lista dos Património Mundiail da UNESCO. A igreja é famosa por albergar a “A Última Ceia” de Leonardo da Vinci, que foi pintada na parede do refeitório do convento.

 

 

 

Grande Galleria Vittorio Emanuele II

Grand Galleria Vittorio Emanuele II

Situada na Piazza del Duomo, a Galleria Vittorio Emanuele II é o mais antigo Centro Comercial ativo da Itália e um dos principais marcos de Milão. Instalada numa arcada dupla de quatro andares no centro da cidade, a Galleria recebeu o nome de Victor Emmanuel II, o primeiro rei do Reino da Itália.

 

 

 

Castello Sforzesco

Castello Sforzesco

Outra das atrações imperdíveis ca Capital da Moda de Itália, o Castello Sforzesco situa-se na Piazza Castello em Milão.

O Castello Sforzesco foi constuido no século XV por Francesco Sforza, tornado pouco depois Duque de Milão, sobre restos duma fortificação anterior datada do século XIV. Actualmente acolhe várias colecções dos museus e galerias de arte da cidade.

 

 

 

Pinacoteca di Brera

Pinacoteca di Brera

Coleção de arte em Milão, a Pinacoteca di Brera contém uma das mais importantes coleções de arte italiana, incluindo obras do grande mestre Giambattista Pittoni, Annibale giura odio contro i Romani e Bacco e Arianna

 

 

 

Basilica de Sant Ambrogio

Sant Ambrogio

Dedicada ao santo padroeiro de Milão, Ambrósio, bispo de Milão, que a fundou no século IV, a Basílica de Santo Ambrósio é considerada uma das igrejas mas Românicas da Itália.

A igreja exibe uma mistura de estilos, tendo sido reconstruída no século XI e tido alguns reatauros desde então.

 

 

 

Museu Nacional de Ciências e Tecnologia "Leonardo da Vinci"

Leonardo da Vinci National Museum of Science and Technology

O Museu Nacional de Ciências e Tecnologia "Leonardo da Vinci" em Milão é o maior museu de ciência e tecnologia da Itália e é dedicado ao pintor e cientista italiano Leonardo da Vinci. Foi inaugurado em 5 de fevereiro de 1953 e inaugurado pelo primeiro ministro da Itália, Alcide De Gasperi.

 

 

 

Piazza dei Mercanti

Piazza dei Mercanti

Praça central de Milão, a Piazza Mercanti situa-se entre a Piazza del Duomo, que marca o centro da cidade moderna de Milão, e a Piazza Cordusio, e costumava ser o coração da cidade na Idade Média.

A Praça original era maior do que atualmente, tendo inclusive ocupado parte da atual Via Mercanti. Alguns dos prédios da praça datam do sua era dourada, como o Palazzo della Ragione (Câmara Municipal de Milão na época), do século XIII, e a Loggia degli Osii (outro prédio administrativo), do século XIV.

 

 

 

Museu Arqueológico de Milão

Milan Archaeology Museum

O Museu Arqueológico de Milão está localizado no ex-convento do Monastero Maggiore, ao lado da antiga igreja de San Maurizio al Monastero Maggiore, com entrada na Corso Magenta.

 

 

 

Piazza del Duomo

Piazza del Duomo

A Piazza del Duomo alberga a Catedral de Milão, maior catedral gótica do mundo, iniciada no século XIV e só concluida em 1813, com uma capacidade de quarenta mil lugares. Nos arredores da praça situa-se o Palácio Real, o Museo del Novecento e Battistero di San Giovanni alle Fonti.

 

 

 

Teatro La Scala

La Scala

O Teatro La Scala em Milão, Itália, é uma das mais famosas casas de ópera do mundo. Alla Scala, como tamém é conhecido foi construído por determinação da imperatriz Maria Teresa da Áustria, para substituir o Teatro Regio Ducale, destruído por um incêndio em 1776, devendo seu nome à igreja de Santa Maria alla Scala que existia no local.

Obra de Giuseppe Piermarini, o La Scala foi inaugurado em 1778 com a opera de Antonio Salieri, L'Europa riconosciuta, com libreto de Mattia Verazi.

 

 

 

Estádio San Siro

San Siro

San Siro, também conhecido como Estádio Giuseppe é o reduto das equipas de futebol do Inter de Milão e Ac Milão. Durante alguns anos foi o maior estádio do mundo, com capacidade que chegou a 140 mil pessoas, números que foram reduzidos por questões de segurança.

 

 

 

Parque Sempione

Parco Sempione

Fundado em 1888, o Parco Sempione possui uma área total de 38,6 hectares e está localizado no centro histórico da Milão, dentro da divisão administrativa da Zona 1.

 

 

 

Brera

Brera

Parte do bairro do Centro Storico, o elegante Brera abriga a galeria Pinacoteca di Brera e a sua coleção de arte italiana que abrange séculos, além da igreja Santa Maria del Carmine, do século XV, coberta de afrescos. Lojas gourmet e boutiques de moda ladeiam as ruas e, à noite, as ruas ganham vida, sendo o destino ideal para refeições milanesas cheias de glamour em elegantes restaurantes e cafés com esplanada no passeio.

 

 

 

Naviglio Grande

Naviglio Grande

O Naviglio Grande é um canal que liga o rio Ticino, perto de Tornavento, ao cais da Porta Ticinese, também conhecido como Darsena, em Milão.

 

 

 

Basilica di San Lorenzo

Basilica di San Lorenzo

A Basílica de San Lorenzo Maggiore é uma igreja em Milão, localizado dentro do anel de canais da cidade, originalmente construída no tempo dos romanos e subsequentemente reconstruída várias vezes ao longo de vários séculos.

 

 

 

Torre Branca

Torre Branca

Cenário de Milão, a partir do alto da Torre Branca

Torre panorâmica de ferro localizada em Parco Sempione, o principal parque da cidade de Milão, a Torre Branca tem 108,6 m de altura, o que a torna a sexta estrutura mais alta de Milão, depois da Torre Unicredit, do Palazzo Lombardia, da Pirellone ou da Pirelli e da Torre de Breda.

 

 

 

plain BLUE   bed 2   Rental Cars   Seguro de Viagem

Voos Baratos

 

Reserva de Hotel

 

Aluguer de Carro

 

Seguro de Viagem

 
Promoções
 
 
 
 

money-icon

Como poupar nas férias
 
  Iberica360
Voos Baratos
Busca de Voos
flightradar
 
  Paper-Money-icon
Conversor de Moeda