As melhores coisas para fazer em Barcelona

 Barcelona

Capital da Catalunha e segunda maior cidade da Espanha, Barcelona é incomparável, um destino que tem praticamente tudo.

Férias em Barcelona, Espanha

 

Como chegar

Aeroporto Barcelona

Poderá optar por uma viagem de carro onde, pelo caminho ficará a conhecer algumas cidades e atrações de Espanha, de Comboio ou de Avião.

Procura e reserva de Voos

A partir dos aeroportos de Lisboa, Porto, Faro ou Funchal não será difícil encontrar ligações regulares para o Aeroporto de Barcelona (BCN) ou para o Aeroporto Girona-Costa Brava (GRO), situado a 75,4 quilómetros de Barcelona.

Desde que marcado com devida antecedência, certamente que encontrará um Voo barato para as suas férias em Barcelona.

 

 

Onde Ficar

Barcelona conta com uma vasta e variada oferta de alojamento para Férias que satisfaz todos os gostos e orçamentos.

Aqui encontra a melhor seleção de alojamento para férias em Barcelona ao melhor preço.

 

Hotéis Baratos em Barcelona Férias em Barcelona

Procurar Hotel com desconto e Promoções de Férias em Barcelona

Apartamentos, Hotéis Design, Hotéis para Turistas de Mochila às Costas, Hotéis de Negócios, Hotéis para Famílias, Alojamentos Locais, Hotéis Românticos, Hostels, Hotéis de Praia, Alojamentos de Acomodação e Pequeno-almoço, Hotéis com Spa, Hotéis de Luxo, Apart-hotéis, Hotéis para Golfe e Desportos, Barcos e Villas, enfim a variedade é grande.

 Férias em Barcelona

 

O que fazer em Barcelona / o que visitar:

 

 

Barcelona

Um destino verdadeiramente imperdível, uma cidade com charme e identidade muito própria, muito graças a uma geração de artistas e arquitetos do início do século XX, como Antoni Gaudí, que deixaram (e de que maneira) a sua marca em Barcelona, em edifícios surpreendentes, únicos e inesquecíveis.

Barcelona é uma cidade encantadora que tem sempre algo para surpreender e conquistar todos os visitantes.

Barcelona

Para quem gosta de comer e aprecia gastronomia de topo, Barcelona conta com, nada mais, nada menos que 20 restaurantes com 20 estrelas Michelin; Para os adeptos de cultura Barcelona tem uma variedade inesgotável de espetaculares edifícios e eventos ao longo de todo o ano. A juntar a tudo há ainda belas praias urbanas, uma vida noturna de classe mundial e uma vasta variedade de locais para compras que qualquer visitante nem saberá por onde começar.

Barcelona

Das numeosas atrações deixamos aqui algumas que consideramos essenciais e imperdíveis para quem visita Barcelona pela primeira vez:

 

Las Ramblas

Las Ramblas

Muitos dos locais evitam a sequência de passeios que vão da Plaça de Catalunya até o Monumento a Colombo à beira-mar, no entanto este é um passeio essencial para aqueles que estão de visita a Bercelona pela primeira vez.

Durante o verão, ao percorrer Las Ramblas, estará no meio de uma multidão que aproveita a sombra dos altos plátanos, passando por estátuas vivas, artistas de rua, vendedores de pássaros e barracas de flores. Ocasionalmente, sentirá o cheiro de waffles.

Após chegar à praia poderá seguir a sinalização para rumar ao Centro Comercial Maremagnum ou para o Aquário de Barcelona.

 

 

 

Sagrada Família

Sagrada Familia

Provávelmente será aqui que terá inicio a sua aventura em Barcelona, pelas espetaculares obras de Antoni Gaudí.

Sagrada Família

A famosa obra que nunca fica completa, a Sagrada Família é a atração de vista obrigatória obrigatória em Barcelona, algo semelhante a ir a Roma e não visitar o Vaticano.

A basílica menor é um projeto de incrível escala e ambição que, imagine-se, ainda está apenas com cerca de três quartos completos, 140 anos após o envolvimento inicial de Gaudí.

Quando as torres estiverem concluídas, será a igreja mais alta do mundo e dificilmente se assemelhará a qualquer estrutura religiosa que qualquer ser humano já viu na sua vida.

A Sagrada Família combina vários estilos arquitetônicos, incluindo o modernismo catalão, o art nouveau e o espanhol gótico tardio, mas a obra-prima de Gaudí desafia esse tipo de definição quando você olha de boca aberta para o teto da nave.

 

 

 

Casa Batlló

Casa Batló

 

Outra das criações mais amigáveis ​​para cartões postais de Antoni Gaudí, este bloco de apartamentos não foi criado do zero como muitos vistantes deverão pensar, mas sim, um restauro realizado no ínicio do século XX.

O telhado do edifício, com as telhas a replicarem as escalas de um grande dragão é algo inconfundivel.

Casa Batlo

Como todo o seu trabalho, o interior e o exterior da Casa Batlló têm uma qualidade sinuosa, com poucas linhas retas e atenção deslumbrante aos detalhes.

Casa Batlló

Observe a lareira em forma de cogumelo no piso nobre, que como uma gruta aconchegante foi projetada para os casais se aquecerem no inverno.

 

 

 

Casa Milà

Casa Mila

Também conhecida como La Pedrera devido à semelhança da frente do edifício com a face de uma pedreira, a Casa Milà foi concluída em 1912 e é outro edifício emblemático de Gaudí e de Barcelona.

É uma das várias obras modernistas catalãs da lista da UNESCO e foi o quarto e último edifício de Gaudí no Passeig de Gràcia.

Os arquitetos apreciarão as inovações contemporâneas aqui, incluindo a fachada de pedra autoportante e o estacionamento subterrâneo.

Foi projetado para ser a casa de família do industrial Pere Milà i Camps, com apartamentos para alugar nos andares superiores.

A coerência entre o design do edifício e o mobiliário da Casa Milà é uma verdadeira alegria de ver, sendo tudo uma época em que Gaudí estava no auge da sua carreira.

 

 

 

Praias urbanas de Barcelona

Barcelona

O calçadão à beira-mar de Barcelona estende-se por longos quilómetros, sendo necessário cerca de uma hora para ir de Barceloneta a Diagonal Mar a pé, mas é uma caminhada que realmente ajuda a entender a cidade.

Praias de Barcelona

As praias mais a oeste, como Sant Sebastià, são mais movimentadas e turísticas, mas são apoiadas pela estreita rede de lojas e bares da moda de Barceloneta, com terraços e mesas ao ar livre.

Praias Barcelona

À medida que você se move ao longo da orla após o Porto Olímpico, encontrará um pouco mais de espaço e mais moradores de Barcelona.

Finalmente, logo depois de Platja de Llevant, encontra-se o enorme e novo Centro Comercial Diagonal Mar, cuja construção revitalizou uma antiga parte industrial da cidade.

 

 

 

La Boqueria

La Boqueria

Uma visita a La Boqueria é uma visão icônica e uma experiência educacional. Existe um mercado Boqueria em Barcelona desde os tempos medievais, embora este local testemunhe o comércio há cerca de 200 anos.

Com um elegante e distinto telhado de ferro e vidro que foi instalado em 1914, La Boqueria é o destino ideal para fazer algumas compras de comida ou apenas apreciar as vistas e os sons de um movimentado mercado urbano.

Existe uma grande quantidade de bancas permanentes que vendem frutas, legumes, carnes frias, queijo e produtos de azeitona. Todo o mercado converge para um plano oval de peixarias no centro. Refresque-se com uma cerveja e delici-se com tapas num dos bares do mercado.

 

 

 

Camp Nou

Camp Nou

Outro dos locais icónicos para visitar na Capital da Catalunha, o Camp Nou situa-se no bairro ocidental de Les Corts, um estádio com capacidade de 99.000 lugares, sede do mítico FC Barcelona desde 1957.

É uma das catedrais de futebol da Europa e, mesmo para aqueles que não têm qualquer afinidade com a equipa, visitar o Camp Nou é uma experiência única, para apreciar a vertiginosa escala da arena.

Para os adeptos do Barça, é como estar no paraíso, visitando o estádio e navegando pelas recordações de uma das equipes de maior prestígio do mundo no museu.

O passeio pelo estádio não está disponível no dia anterior aos jogos, portanto, fique de olho no calendário.

 

 

 

Park Güell

Park Güell

Termine sua experiência em Gaudí com uma viagem a este complexo de jardins em no Monte Carmel.

Muitos são aqueles que viajam a esta parte de Gràcia para conferir os panoramas deslumbrantes sobre Barcelona a partir do terraço principal do parque.

Park_Güell

Irá com toda a certeza ter aquela estranha sensação de Dejá-vu ao visitar o Park Güell, pois de certeza que viu os bancos serpentinos e seus mosaicos em cartões postais ou em filmes.

Noutros lugares existem colunatas, fontes e esculturas, tudo no estilo distinto do arquiteto.

Se você ainda não teve Gaudí suficiente, pode entrar no Museu da Casa, onde ele morou de 1906 a 1926, com móveis e itens decorativos projetados por ele em exibição.

 

 

 

Museu de História da Cidade de Barcelona

Museu de História da Cidade de Barcelona

O Museu de História preserva alguns locais romanos em todo o Bairro Gótico, como o templo de Augusto e o Caminho do Funeral, na Praça da Vila de Madrid. Mas a Praça do Rei é onde você pode ver a história antiga de Barcelona em camadas detalhadas.

Irá de elevador até ao local dos restos de uma fábrica de garum, lavandarias, lojas de tingimento e partes das antigas paredes de Barcino são visíveis.

O local cobre uma área de 4.000 metros quadrados, que você explorará por passagens elevadas.

Ao subir pelo prédio do museu, você avançará no tempo e entrará nos cofres do Palau Real Major, sede dos duques medievais de Barcelona.

 

 

 

Montjuïc

Montjuic

Este distrito da cidade foi desenvolvido para a Exposição Internacional de 1929 e apresenta vários museus de alto nível, incluindo o Museu Nacional de Arte da Catalunha, o Museu de Arqueologia e o Museu de Etnologia.

Entre eles, o Museu Nacional de Arte da Catalunha é particularmente recomendado, e as vistas da cidade a partir do museu são impressionantes.

Um pouco mais abaixo do Museu Nacional de Arte da Catalunha, também construída para a exposição, a Fonte Mágica, é impressionante, especialmente durante os fins-de-semana, quando têm lugar a cada meia hora, espetáculos de luzes e música. Se os Museus de Montjuïc são de visita imperdível, durante a noite (fim de semana) há uma razão extra para aqui voltar.

Ainda em Montjuïc, no topo da colina, destaca-se a fortaleza do século XVII, que teve papel importante na Revolta Catalã nos anos 1600 e também durante a Guerra Civil no final dos anos 30, após a qual foi uma prisão.

 

 

 

Fundació Joan Miró

Fundació Joan Miró

Tal como Gaudí, Joan Miró era um artista essencialmente catalão, e uma visita ao museu lhe dará uma imagem mais vívida do espírito e estilo de Barcelona.

A Fundação Joan Miró foi criada pelo artista nos anos 60 para incentivar a arte contemporânea em Barcelona, ​​e Miró trabalhou em estreita colaboração com o arquiteto Josep Lluís Sert no projeto do edifício do museu.

Isso significa que há uma harmonia entre o local e o trabalho dentro dele que você não encontrará com muita frequência.

Dentro, há uma grande coleção de obras do artista, incluindo esculturas, desenhos e pinturas.

Há também exposições temporárias de arte dos séculos XX e XXI, e todo tipo de projetos colaborativos e educacionais em andamento.

 

 

 

Bairro Gràcia

Gracia

Uma visita a este bairro de Barcelona é essencial para uma prespectiva de como é a vida nas pequenas cidades da Catalunha.

Gràcia não fazia parte de Barcelona até o século XX e, graças ao seu layout de ruas cônicas e pequenas praças, parece um lugar diferente.

É uma área jovem, elegante e cosmopolita, com estudantes e artistas; portanto, há uma infinidade de bares, cafés e lojas independentes.

Se você for a Gràcia durante a Festa Major em agosto, a área será transformada, à medida que os moradores se reúnem para decorar ruas individuais de maneiras imaginativas para serem os melhores do bairro.

 

 

 

Palau de la Música Catalana

Palau de la Música Catalana

Mais uma atração surpreendente e imperdível em Barcelona, o Palau de la Música Catalana é um salão de concertos, construída entre 1905 e 1908 e mais um patrimônio UNESCO de Barcelona.

Foi construído pelo contemporâneo de Gaudí, Lluís Domènech i Montaner, para o Orfeó Català, uma sociedade coral de Barcelona.

Foi nessa época que investimentos e comissões de ricos industriais catalães, ajudavam uma geração de artistas e designers a criar um novo sentido de identidade catalã.

O salão é um local sublime para ópera, sinfonias e música folclórica; portanto, verifique a programação ao planejar sua viagem.

 

 

 

Plaça de Catalunya

Plaça de Catalunya

Este é o melhor ponto de encontro da cidade. Fica bem no final do elegante Passeig de Gràcia e no topo de Las Ramblas.

Quer esteja à espera de amigos durante a noite para uma refeição ou preparando-se para uma expedição de compras durante o dia, nenhum lugar da Ciutat Vella ou Eixample, estará a mais de alguns minutos a pé desta grande praça.

A filial principal do El Corte Inglés de Barcelona também está situada neste bairro.

 

 

 

Gastronomia de Barcelona

Pinchos

A comida internacional é excelente em Barcelona, ​​especialmente quando se trata de bares de macarrão ao estilo japonês, que se tornaram populares nos últimos 10 anos.

Outra tendência são os pintxos, lanches em estilo basco, nos quais coisas deliciosas, como croquetes e peixe, são servidas num pedaço de pão, unido com palito (pincho).

Para um lanche tipicamente catalão, há Pa amb tomàquet, pão rústico coberto com uma mistura de polpa de tomate e óleo. Isso geralmente serve como base para sanduíches ou bocatas.

Para um prato principal aqui na costa, nada supera o arròs negre, o arroz cozido com choco ou lula, seguido pela rica crema catalana para a sobremesa.

plain BLUE   bed 2   Rental Cars   Seguro de Viagem

Voos Baratos

 

Reserva de Hotel

 

Aluguer de Carro

 

Seguro de Viagem

 
Promoções
 
 
 
 

money-icon

Como poupar nas férias
 
  Iberica360
Voos Baratos
Busca de Voos
flightradar
 
  Paper-Money-icon
Conversor de Moeda