Praia da Manta Rota

Manta Rota

A Praia de Manta Rota localiza-se na Freguesia de Vila Nova de Cacela e é uma das praias mais extensas da Europa.

Manta Rota

As suas águas cálidas e o magnífico areal a perder de vista, na "fronteira" entre o mar aberto e o cordão de dunas e ilhas-barreira que constitui a Ria Formosa, são o seu maior atrativo e a principal razão da visita anual de imensos turistas.

 Manta Rota

Menos explorada em termos turísticos que a zona de Monte Gordo, a Praia da Manta Rota oferece recantos sossegados, mesmo no pico do verão, com a época alta, altura em que a maioria das praias da região "fervilha" de turistas.

A praia da Manta Rota localiza-se a cerca de dois quilómetros de Vila Nova de Cacela, dez quilómetros a ocidente de Vila Real de Santo António, quinze quilómetros a ocidente da Ponte Internacional do Guadiana, dez quilómetros a oriente de Tavira, quarenta quilómetros a oriente da capital de distrito (Faro) e a quarenta e cinco quilómetros do Aeroporto Internacional do Algarve.

 Manta Rota

Vastas dunas e frondosos pinheiros quase a beijarem o mar têm contudo atraído, nos últimos anos, cada vez mais pessoas, que procuram também as suas águas cálidas e límpidas. Foi distinguida com a Bandeira Azul da Europa.

Possui várias infraestruturas de apoio de grande qualidade, entre elas o magnifico parque de estacionamento e duches.

A praia da Manta Rota localiza-se no extremo oriental do Parque Natural da Ria Formosa, importante zona húmida e ponto de observação de aves migratórias.

A partir desta praia podem ser feitas caminhadas junto à Ria Formosa até à aldeia histórica de Cacela Velha, permitindo a observação de uma arriba fóssil, de vestígios de uma calçada de origem romana e de diversos ecossistemas, tais como dunas litorais ou sapais. Na foz da Ribeira de Cacela existe uma importante jazida fóssil, com características únicas a nível nacional e europeu. A fauna e a flora são muito diversificadas, sendo importante salientar a presença de um grande número de espécies de aves aquáticas, bem como uma importante população de camaleão.

A Península de Cacela constitui a continuação do areal e do cordão dunar da praia da Manta Rota para nascente; o restinga arenoso separa o mar da ria. Em 2009 a praia de Cacela Velha foi considerada uma das dez melhores praias da Europa para a prática de caminhadas. A península arenosa, devido ao seu isolamento, é frequentada pelos amantes do naturismo. A pequena península é também popular entre a comunidade gay e lésbica.

No final do mês de Agosto realizam-se as festas em honra de São João da Degola, tendo o seu ponto alto com o banho santo na manhã de 29 de Agosto, evocando os tempos em que os habitantes da Serra do Caldeirão desciam ao litoral para se banharem no oceano.

A praia encontra-se frequentemente certificada com bandeira azul, possuindo normalmente duas concessões bem equipadas. Nos últimos anos tem existido equipamento de apoio para deficientes motores. Em 2007 terminou o processo de reordenamento urbanístico e ambiental da praia, que incluiu a colocação de passadeiras de madeira, calcetamento dos parques de estacionamento nascente e poente, criação de uma praceta pública, requalificação do cordão dunar e abertura de novos estabelecimentos comerciais e de restauração.

Em 2008, por iniciativa da autarquia, abriu o primeiro clube de praia estival do sotavento algarvio, pelo qual passaram nas suas três edições alguns dos principais nomes da música de dança nacional e internacional. No Verão de 2010 ocorreu a abertura do segundo clube de praia da Manta Rota. Em 2011, a praia da Manta Rota foi considerada uma das melhores praias do país pela associação ambientalista Quercus.

Na Manta Rota, bem como nos seus arredores, encontram-se diversos alojamentos (pensões, residenciais, turismo rural, hotéis, apartotéis), estando projetados novos alojamentos de qualidade.

Existem ainda quatro campos de golfe na área: Quinta da Ria e Quinta de Cima (junto à aldeia da Fábrica), Monte Rei e Benamor (já na freguesia de Conceição de Tavira).

A gastronomia nesta região do sotavento algarvio é muito diversificada. Nos restaurantes locais predominam os pratos à base de peixe fresco, marisco, polvo e chocos, típicos da alimentação tradicional do litoral algarvio. Contudo, a variedade gastronómica local não se fica por aqui, incluindo alguns pratos únicos como sopas e saladas frias (gaspacho algarvio, salada de ovas frescas, estopeta de atum), e ainda papas de milho com conquilhas, feijoada de lingueirão e açorda de galinha caseira.

plain BLUE   bed 2   Rental Cars   Seguro de Viagem

Voos Baratos

 

Reserva de Hotel

 

Aluguer de Carro

 

Seguro de Viagem

 
Promoções
 
 
 
 

money-icon

Como poupar nas férias
 
  Iberica360
Voos Baratos
Busca de Voos
flightradar
 
  Paper-Money-icon
Conversor de Moeda